k
OPS... USE SEU CELULAR NA VERTICAL PARA UMA MELHOR NAVEGAÇÃO
FECHAR x
Você está lendo:
Passado e presente: os clássicos de Courrèges!
m
MENU
s
BUSCA
GOSTOU?
COMPARTILHAR
VER COMENTÁRIOS / COMENTAR
m
MENU

Passado e presente: os clássicos de Courrèges!

08/01/16 Business | Por Camila Coutinho

andre_courreges_1968_cercado_por_suas_modelos

Nem precisa ter estudado moda para saber que o nome Courrèges é um dos ícones nesse assunto, daqueles responsáveis por revolucionar o vestuário! Nessa sexta-feira saiu a triste notícia de que André Courrèges, que sofria do mal de Parkinson, faleceu ontem (07/01) aos 90 anos em Paris. Boa oportunidade então para homenagear e relembrar o trabalho dele, um dos criadores de moda mais visionários de todos os tempos! Bora mergulhar em um pouco de história da moda?

Courrèges era arquiteto por formação, mas acabou assumindo a profissão de estilista após oito anos trabalhando com Cristóbal Balenciaga. Em 1961 fundou sua própria grife e em 1964 lançou uma coleção que sacudiu o mundo fashion: a icônica Space Age!

courreges-space-age2

courreges-space-age

Com saias uns bons centímetros acima do joelho, uso de prata e branco, vinil, botinhas lunares e chapéus em formato de capacete, Courrèges trouxe diversão à moda com suas criações futuristas, mas ao mesmo tempo muito equilibradas, mérito de suas linhas geométricas e o gosto por linhas limpas.

courreges2

As “botinhas Courrèges”, brancas ou metalizadas, viraram símbolo da juventude da época, assim como suas “meninas lunares”!

courreges3

O designer imaginava uma mulher dos anos 2000 ao desenhar (era o futuro para a década de 60! hehe), e não é que suas criações seguem superatuais? Principalmente falando nas listras, muito frequentes em suas peças, fora que Courrèges já trabalhava com a ideia de androginia desde lá, muito antes dela virar tema tão forte da moda nos dias de hoje.

courreges1

Musas (e fãs) de Courrèges: Audrey Hepburn e Catherine Deneuve

André Courrèges já estava aposentado da indústria da moda desde os anos 1990, quando a maison que leva seu nome foi vendida e ele passou a se dedicar às artes plásticas. Atualmente a grife está sob o comando criativo de Sebastien Meyer e Arnaud Vaillant e só por esses cliques abaixo da última coleção desfilada em Paris em outubro de 2015 dá pra ver que não perdeu a veia futurista com essas jaquetinhas muito desejáveis!

embed-courreges-new-model

holding-courreges-new-model

Amo mergulhar na história da moda, encontrar relações incríveis entre tendências do passado e futuro… Estudar é um ótimo exercício para deixar o olhar mais afiado para o que está acontecendo hoje e o que está por vir. E fazendo esse post até deu mais vontade de fazer isso com mais frequência…

  • O que acham: gostariam de ver mais conteúdos assim no GE? 
QUEM ESCREVE
Camila Coutinho
| Team GE
Fundadora do @garotasestupidas, @iconoclastsbr e autora do #ESTUPIDAEU
COMPARTILHAR
GOSTOU?
COMENTÁRIOS
ESCOLHA SUA PLATAFORMA DE COMENTÁRIOS FAVORITA
>
PRÓXIMA HISTÓRIA
<
HISTÓRIA ANTERIOR
j
Voltar ao Topo