k
OPS... USE SEU CELULAR NA VERTICAL PARA UMA MELHOR NAVEGAÇÃO
FECHAR x
Você está lendo:
Conheça a história do Theo
m
MENU
s
BUSCA
GOSTOU?
0
COMPARTILHAR
VER COMENTÁRIOS / COMENTAR
m
MENU

Conheça a história do Theo

21/12/12 home | Por Camila Coutinho

Lembram quando contamos aqui no GE sobre a história da Cynthia? A campanha da Sociedade Brasileira de Dermatologia por uma pele saudável continua e, dessa vez, o assunto é acne!

Quem nunca parou em frente a uma prateleira de uma farmácia para escolher produtos de limpeza e tratamentos para tentar disfarçar a acne ou melhorar o aspecto da pele oleosa? Esse hábito, que parece tão inofensivo, pode ser bastante prejudicial à pele e pode agravar ainda mais a situação! Acne é coisa séria, e deve ser tratada com cuidado, sempre com o acompanhamento de um dermatologista.

Claro que, com tantos produtos “milagrosos” no mercado, ficamos tentadas a sair comprando tudo e cheias de dúvidas quanto ao que é realmente bom ou não, né? Aquele cravo incomoda, a espinha aparece logo na hora errada, a pele está oleosa, e não sabemos bem o que fazer. Foi por isso que conversei com a dra. Leandra Metsavaht e ela esclareceu várias dessas dúvidas para nós!

– Todo mundo lida com acne em algum momento da vida. Como podemos perceber que certo caso não dá mais pra tratar em casa com produtos normais e precisamos procurar um médico?

Quanto mais cedo acontecer o tratamento melhor, para que não apareçam cicatrizes inestéticas no rosto e/ou costas do paciente. Sempre é bom ter uma orientação, que seja, do médio dermatologista, até mesmo bem no início, na fase pré- púbere, quando começam a surgir os primeiros sinais.

– Como prevenir a acne?
A acne não é uma doença que podemos prevenir, infelizmente. O principal fator é o aumento dos níveis hormonais na puberdade , que é absolutamente
normal. Estes hormônios são responsáveis pelo aumento da estatura, surgimento de pêlos nas axilas e região pubiana, surgimento de barba e bigode nos meninos e outras transformações desta fase da vida. Algumas pessoas têm mais acne que outras, como, por exemplo, meninas com ovários policísticos. Por isso é tão importante procurar um dermatologista para investigar melhor a causa.

– A acne é hereditária?
Hereditariedade pode ser um dos fatores, mas não é único e nunca foi isolado o gene que transmitiria esta hereditariedade.

– O uso de produtos não desenvolvidos pra determinado tipo de pele pode causar acne e afins?
Sim, como por exemplo, produtos muito oleosos podem causar acne. É a chamada acne cosmética.

– Quais os maiores erros que uma pessoa pode cometer com sua pele quando se fala de acne?!
Usar produtos muito gordurosos na pele, como a pomada para assaduras, para tratamento de acne. Isso é muito comum e ajuda a piorar muito a acne. Outra coisa é espremer cravos e espinhas. Pode deixar marcas para sempre.

– Algumas pessoas que nunca tiveram problema com acne na adolescência acabam passando por isso na fase adulta. Porque? Existe algo especifico que
desperta o monstrinho da espinha?
Geralmente isso ocorre pelo uso de medicamentos que produzem uma “falsa acne” , chamada erupção acneiforme. Os principais medicamentos responsáveis por esta reação são vitamina B12 e corticóides tópicos e via oral. Outra causa comum da acne na vida adulta é a acne cosmética, pelo uso de cosméticos muito oleosos. A acne na mulher adulta pode ter influências hormonais e sempre é bom uma investigação destes problemas com o
dermatologista.

– O que fazer quando surge uma espinha em um dia especial Tem algum jeitinho correto de dar conta dela?
O dermatologista pode ajudar muito, fazendo uma infiltração com medicamento anti-inflamatório no local e receitando algum produto específico.

Entenderam, né, meninas? Antes de tratar casos mais complexos de acne e se automedicar, não esqueçam de procurar sempre um dermatologista, ele indicará o melhor tratamento para sua pele! Para mais informações e dicas, acompanhem o site e a fanpage da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

QUEM ESCREVE
Camila Coutinho
| Team GE
Fundadora do @garotasestupidas, @iconoclastsbr e autora do #ESTUPIDAEU
COMPARTILHAR
GOSTOU?
0
COMENTÁRIOS
ESCOLHA SUA PLATAFORMA DE COMENTÁRIOS FAVORITA
>
PRÓXIMA HISTÓRIA
<
HISTÓRIA ANTERIOR
j
Voltar ao Topo