Escolha uma opção de navegação: Blog/ Site
Escolha sua navegação: Site / Blog
13 jun 2017 - Por Andressa Fernandes
Comentários

Semana passada falamos sobre as extensões de cílios aqui, mas já reparou que ao mesmo tempo em que destacar o olhar é o desejo de muita gente a ideia de não usar nem mesmo uma camadinha de rímel também tem ganhado cada vez mais espaço?

Foi uma das grandes apostas de beleza nas últimas fashion weeks, e agora esse visual totalmente fresh também está chamando a atenção em capas de revistas mundo afora (até mesmo em uma publicação de beleza, a Allure!).

No red carpet isso vem aparecendo aos poucos: Uma Thurman (não) usou lá em 2015, e hoje nem é só com Alicia Keys (que rendeu muitas manchetes ao defender seu direito de usar maquiagem quando bem entender, não quando esperam isso dela); Lea Michele também foi assim no Grammy, mas com um make todo caprichado no resto (segundo seu maquiador, a opção por não usar máscara era para destacar a cor da sombra!).

Alicia Keys, Lea Michele, Bianca Balti e Uma Thurman

“Sem máscara de cílios mesmo o único lugar que vejo funcionando de verdade é na passarela, mas lá tem o contexto de uma modelo com a pele jovem, a luz, a roupa, o cabelo… tem todo um aparato que sustenta essa imagem mais conceitual, o mesmo para uma capa de revista ou até uma celebridade”, comenta Fabiana Gomes, Senior Artist da M.A.C. aqui no Brasil.

“O que sinto é que para a mulher real, sem máscara total (e isso falo por experiência própria, porque já quis aderir a isso) você pode ficar com um olhar de peixe morto, meio caído, sabe? Seguir literalmente qualquer tendência de passarela ou de revista pode ser complicado”, completa.

Isso, claro, não significa que a gente precisa sair com aquele cilião de boneca sempre! Assim como acontece com o “make de bonita” (aquele look que tem uns 15 passos justamente para dar a impressão de que não se está usando maquiagem!) o “cílio nada” também pode ser conseguido com um truquezinho: capriche no curvex e então aplique a máscara só na raiz. “Quem tem os cílios clarinhos pode usar o marrom; fios mais escuros, o preto. E aí só de passar na raiz já dá o efeito de uma linha bem leve, é suficiente para dar uma ‘empinada’ no olhar”, ensina Fabi.

Ao deixar os cílios mais suaves você pode apostar em outros pontos marcantes da maquiagem, um equilíbrio que apareceu bastante nos looks da passarela:

“O grande truque hoje em dia é pensar em um make em que não dá para identificar o que se está usando de maquiagem. Nisso vem então base, corretivo, um blush que imite o rubor natural, uma sobrancelha organizada, mas sem cara de produto. São várias interferências meio que invisíveis”, comenta Fabi.

“Acho que isso é uma das maiores tendências do momento, o que, aliás, é uma sabedoria, de se respeitar e usar uma maquiagem que te valorize, mas não te transforme demais. Nada contra, e maquiagem justamente é muito legal porque você pode se divertir muito se transformando. Mas é importante também conviver com seu próprio rosto, e essa aposta tão fresh vem quase como um protesto contra os excessos, conclui.

Para apostar nos “cílios nada”:

  • E aí, vocês conseguem deixar o rímel de lado na hora do make?

Make sem rímel? Tá bombando nas passarelas e, acredite, tem truquezinho para apostar!

13 jun 2017
- Por Andressa Fernandes
Comentários

Semana passada falamos sobre as extensões de cílios aqui, mas já reparou que ao mesmo tempo em que destacar o olhar é o desejo de muita gente a ideia de não usar nem mesmo uma camadinha de rímel também tem ganhado cada vez mais espaço?

Foi uma das grandes apostas de beleza nas últimas fashion weeks, e agora esse visual totalmente fresh também está chamando a atenção em capas de revistas mundo afora (até mesmo em uma publicação de beleza, a Allure!).

No red carpet isso vem aparecendo aos poucos: Uma Thurman (não) usou lá em 2015, e hoje nem é só com Alicia Keys (que rendeu muitas manchetes ao defender seu direito de usar maquiagem quando bem entender, não quando esperam isso dela); Lea Michele também foi assim no Grammy, mas com um make todo caprichado no resto (segundo seu maquiador, a opção por não usar máscara era para destacar a cor da sombra!).

Alicia Keys, Lea Michele, Bianca Balti e Uma Thurman

“Sem máscara de cílios mesmo o único lugar que vejo funcionando de verdade é na passarela, mas lá tem o contexto de uma modelo com a pele jovem, a luz, a roupa, o cabelo… tem todo um aparato que sustenta essa imagem mais conceitual, o mesmo para uma capa de revista ou até uma celebridade”, comenta Fabiana Gomes, Senior Artist da M.A.C. aqui no Brasil.

“O que sinto é que para a mulher real, sem máscara total (e isso falo por experiência própria, porque já quis aderir a isso) você pode ficar com um olhar de peixe morto, meio caído, sabe? Seguir literalmente qualquer tendência de passarela ou de revista pode ser complicado”, completa.

Isso, claro, não significa que a gente precisa sair com aquele cilião de boneca sempre! Assim como acontece com o “make de bonita” (aquele look que tem uns 15 passos justamente para dar a impressão de que não se está usando maquiagem!) o “cílio nada” também pode ser conseguido com um truquezinho: capriche no curvex e então aplique a máscara só na raiz. “Quem tem os cílios clarinhos pode usar o marrom; fios mais escuros, o preto. E aí só de passar na raiz já dá o efeito de uma linha bem leve, é suficiente para dar uma ‘empinada’ no olhar”, ensina Fabi.

Ao deixar os cílios mais suaves você pode apostar em outros pontos marcantes da maquiagem, um equilíbrio que apareceu bastante nos looks da passarela:

“O grande truque hoje em dia é pensar em um make em que não dá para identificar o que se está usando de maquiagem. Nisso vem então base, corretivo, um blush que imite o rubor natural, uma sobrancelha organizada, mas sem cara de produto. São várias interferências meio que invisíveis”, comenta Fabi.

“Acho que isso é uma das maiores tendências do momento, o que, aliás, é uma sabedoria, de se respeitar e usar uma maquiagem que te valorize, mas não te transforme demais. Nada contra, e maquiagem justamente é muito legal porque você pode se divertir muito se transformando. Mas é importante também conviver com seu próprio rosto, e essa aposta tão fresh vem quase como um protesto contra os excessos, conclui.

Para apostar nos “cílios nada”:

  • E aí, vocês conseguem deixar o rímel de lado na hora do make?
02 maio 2017 - Por Andressa Fernandes
Comentários

Miga, brigou com o maquiador? kkk Certeza que muitas famosas com maquiagens digamos, exóticas, devem ter ouvido isso de uma amiga sincerona ontem no baile do MET! kkk

É que fazia tempo que a gente não via tantos makes ousados e exagerados no red carpet, até comparando com o próprio MET, que costuma ser mais doidinho mesmo! Pode ser efeito dessa fase de amor pelos anos 80 que estamos vivendo (ou que a moda pelo menos está) e é bem legal ver como isso também se desdobra na beleza… pode ser desastroso, pode ser um bom jeito de sair do comum!

Confira como as duas coisas aconteceram na edição 2017 do baile:

O vermelho bombou – e não só nos vestidos, ou no batom, mas também na sombra ou até indo além como iluminador/blush, caso da Rihanna!

No MET, a cantora foi quem melhor trouxe essa influência no make! Claro que é um look bem conceitual, mas ele funciona não só por combinar com a proposta da roupa, como também por traduzir esse exagero 80’s para os dias de hoje: a pele tem esse glow (e não aquela coisa seca de pó), os olhos estão neutros (não briga com o que está acontecendo ali no rosto) e o batom vinho criou um degradê em harmonia com o blush/sombra!

Selena Gomez também apostou na sombra pink/quase vermelha (dependendo da luz)! O desenho geométrico lembra a ideia de uma máscara, algo mais fantasia mesmo, né? Para fazer o look o maquiador Hung Vanngo usou o Marc Jacobs Beauty Highliner Matte gel Crayon eyeliner na cor (pop)ular 49.

A atriz Sasha Lane também usou um make mais ou menos nessa mesma pegada! Repare que a sombra vermelha (na verdade um batom!) é usada meio com uma pincelada, não fica o gatinho certinho, o que deixa o look mais moderno!

Jennifer Connelly, Taylor Hill, Rose ByrneRila Fukushima também ousaram com tons que vão do rosa ao vermelho – Rose, aliás, combinou também com o batom e cor do vestido, mais cabelo volumoso, mais 80’s impossível né?! Uma grande dificuldade ao usar sombras nesses tons é fugir do aspecto de olhos irritados, então uma dica é combinar com um esfumado preto e/ou esfumar ou em cima ou embaixo, nunca os dois juntos!

Mais makes coloridos: Katie Holmes combinou a sombra metálica com seu clássico vestido azul-marinho…

Emily Ratajkowski foi pelo delineador gatinho verde + traçado dourado (também combinando com o vestido!), sempre um jeito mais fácil de apostar no make colorido!

Mandy Moore saiu do comum com a sombra lilás, outro tom que pede atenção por poder dar a impressão de olhos irritados.

E Sofia Boutella apostou no verde-escuro, a sombra colorida mais fácil de usar – fica bem legal esfumada com preto e cobre/dourado!

Apesar de estar toda coberta pelo look Maison Margiela, Katy Perry não deixou de dar atenção ao make: sombra roxa cintilante + preta esfumada e ainda lábios vermelhos power… super 80’s!

Lupita Nyong’o e seus “olhos florais impressionistas”, como definiu o maquiador Nick Barose! O look foi feito com diferentes cores do lápis Drama Liqui Pencil e da sombra Color Design, ambos da Lancôme!

Nem mesmo os cabelos escaparam das invencionices! Cara Delevingne, que está careca por conta de seu papel no filme Life in a Year, deu o tom futurista ao look Chanel ao pintar a cabeça de prata!

Rita Ora usou uma peruca toda conceitual e Brie Larson apostou nas folhas de ouro para complementar o penteado – essa sem dúvida é a inspiração mais fácil de tentar aproveitar em um look de festa mais diferente!

Deu pra perceber que inspirações para sair do comum no make é o que não faltam aqui né? É só não fazer a miga loca assim:

…assim…

…ou assim, combinado?! kkk

  • E aí, gostaram dos makes desse baile do MET?

Beleza 80’s para hoje: os makes coloridos e exagerados do baile do MET!

02 maio 2017
- Por Andressa Fernandes
Comentários

Miga, brigou com o maquiador? kkk Certeza que muitas famosas com maquiagens digamos, exóticas, devem ter ouvido isso de uma amiga sincerona ontem no baile do MET! kkk

É que fazia tempo que a gente não via tantos makes ousados e exagerados no red carpet, até comparando com o próprio MET, que costuma ser mais doidinho mesmo! Pode ser efeito dessa fase de amor pelos anos 80 que estamos vivendo (ou que a moda pelo menos está) e é bem legal ver como isso também se desdobra na beleza… pode ser desastroso, pode ser um bom jeito de sair do comum!

Confira como as duas coisas aconteceram na edição 2017 do baile:

O vermelho bombou – e não só nos vestidos, ou no batom, mas também na sombra ou até indo além como iluminador/blush, caso da Rihanna!

No MET, a cantora foi quem melhor trouxe essa influência no make! Claro que é um look bem conceitual, mas ele funciona não só por combinar com a proposta da roupa, como também por traduzir esse exagero 80’s para os dias de hoje: a pele tem esse glow (e não aquela coisa seca de pó), os olhos estão neutros (não briga com o que está acontecendo ali no rosto) e o batom vinho criou um degradê em harmonia com o blush/sombra!

Selena Gomez também apostou na sombra pink/quase vermelha (dependendo da luz)! O desenho geométrico lembra a ideia de uma máscara, algo mais fantasia mesmo, né? Para fazer o look o maquiador Hung Vanngo usou o Marc Jacobs Beauty Highliner Matte gel Crayon eyeliner na cor (pop)ular 49.

A atriz Sasha Lane também usou um make mais ou menos nessa mesma pegada! Repare que a sombra vermelha (na verdade um batom!) é usada meio com uma pincelada, não fica o gatinho certinho, o que deixa o look mais moderno!

Jennifer Connelly, Taylor Hill, Rose ByrneRila Fukushima também ousaram com tons que vão do rosa ao vermelho – Rose, aliás, combinou também com o batom e cor do vestido, mais cabelo volumoso, mais 80’s impossível né?! Uma grande dificuldade ao usar sombras nesses tons é fugir do aspecto de olhos irritados, então uma dica é combinar com um esfumado preto e/ou esfumar ou em cima ou embaixo, nunca os dois juntos!

Mais makes coloridos: Katie Holmes combinou a sombra metálica com seu clássico vestido azul-marinho…

Emily Ratajkowski foi pelo delineador gatinho verde + traçado dourado (também combinando com o vestido!), sempre um jeito mais fácil de apostar no make colorido!

Mandy Moore saiu do comum com a sombra lilás, outro tom que pede atenção por poder dar a impressão de olhos irritados.

E Sofia Boutella apostou no verde-escuro, a sombra colorida mais fácil de usar – fica bem legal esfumada com preto e cobre/dourado!

Apesar de estar toda coberta pelo look Maison Margiela, Katy Perry não deixou de dar atenção ao make: sombra roxa cintilante + preta esfumada e ainda lábios vermelhos power… super 80’s!

Lupita Nyong’o e seus “olhos florais impressionistas”, como definiu o maquiador Nick Barose! O look foi feito com diferentes cores do lápis Drama Liqui Pencil e da sombra Color Design, ambos da Lancôme!

Nem mesmo os cabelos escaparam das invencionices! Cara Delevingne, que está careca por conta de seu papel no filme Life in a Year, deu o tom futurista ao look Chanel ao pintar a cabeça de prata!

Rita Ora usou uma peruca toda conceitual e Brie Larson apostou nas folhas de ouro para complementar o penteado – essa sem dúvida é a inspiração mais fácil de tentar aproveitar em um look de festa mais diferente!

Deu pra perceber que inspirações para sair do comum no make é o que não faltam aqui né? É só não fazer a miga loca assim:

…assim…

…ou assim, combinado?! kkk

  • E aí, gostaram dos makes desse baile do MET?
PERFIL
Camila Coutinho
MOST WANTED

Copyright © 2017 - garotasestupidas.com - Todos os direitos reservados
Designed and Created bt Condomínio Network
INSTAGRAM
Copyright © 2017 - garotasestupidas.com - Todos os direitos reservados | Designed and Created bt Condomínio Network