Escolha uma opção de navegação: Blog/ Site
Escolha sua navegação: Site / Blog
08 maio 2018 - Por Camila Coutinho
Comentários

A segunda-feira foi de Baile do MET, o que significa post recheado de looks fashionistas para comentar aqui! Nessa edição o gala comemora a abertura da exposição Heavenly Bodies: Fashion and the Catholic Imagination (corpos celestiais: moda e a imaginação católica, em português) no Metropolitan Museum em Nova York (saiba mais sobre o tema e curiosidades como “quanto custa o convite” nesse post aqui!).

De modo geral, foi um red carpet bem surpreendente: tivemos os “looks fantasia” como o MET pede, os que incorporaram a inspiração de uma maneira mais sutil e os que eram simplesmente vestidos bonitos, nem aí com o tema! Achava que talvez o look “santa Dolce & Gabbana” dos pés à cabeça fosse bombar, mas que nada! A Versace dominou geral, sem dúvidas ter Donatella Versace como uma das hosts ajudou nisso, mas dá pra notar também que quem usou a marca foram celebs já cativas dos vestidos da grife já de outros METs, inclusive.

E como é look que não acaba mais, separamos aqui os 21 “tem que ver” dessa edição! Confira:

BLAKE LIVELY

Foi uma verdadeira visão no red carpet! Uniu drama com a saiona e os bordados, a transparência sutil no vestido mais justo, a riqueza do corpete – levou “apenas” 600 HORAS para ser bordado à mão! -, sem falar no arranjo de cabeça (acessório que teve bastante destaque nesse MET).

Blake surgiu e os comentários no Insta eram: “pronto, já temos a vencedora da noite”! kkk Divina mesmo!

RIHANNA

Depois do vestido amarelo de 2015 tenho a impressão de que a gente fica sempre esperando algo com aquele impacto, aquela cauda… por isso à primeira vista o look pode até parecer básico para ela!

Mas olhando bem… quem mais poderia incorporar a santidade assim senão ela, né? Ainda estou curiosa para saber o quanto pesa esse look, porque repara: não tem um pedacinho que não esteja bordado! Ryqueza pura!

KATY PERRY

Nossa Angel! O look performático que se espera dela mesmo – afinal, ela é dessas que adora uma montação, principalmente se tiver um lado assim mais divertido!

Única coisa só que fiquei com a impressão de que faltou movimento na asa, Katy parecia um pouco dura posando com os bracinhos esticados ao lado… kkk Mas lacrou, e junto com Blake e Rihanna formou o pódio que será lembrado quando pensarmos no MET 2018!

KENDALL JENNER

À primeira vista o look da Kendall pode não parecer grande coisa… Mas aí começaram a me mandar isso aqui:

Tava muito na vibe do meu look no Baile da Vogue desse ano! kkk Amei! Meu look era uma representação da fé, e o MET tinha toda essa conexão com a religiosidade no tema. Miga, me pede que te empresto o meu! kkk #aquelas

GIGI HADID

Belíssima com o vestidão que remete aos vitrais das Igrejas!

Mas confesso que gostei mais dele de costas/lateral, a frente não me conquistou tanto…

GISELE BUNDCHEN

Depois de tantas vezes em que já a vimos des-lum-bran-te acho que esse não está entre os “top looks” dela… Claro que é impossível essa mulher ficar feia, é luz sempre, por onde passa, mas parece que faltou um certo glamour… talvez até mesmo algum acessório que remetesse ao tema (embora Gisa nunca ligue para ele mesmo, e tudo bem kkk).

Mas tem mais uma coisa bem bacana que vale comentar: o vestido é totalmente sustentável, a Versace confeccionou o modelo especialmente para ela utilizando tecido e forro de seda 100% orgânicos e ecologicamente tingidos, tudo certificado!

AMAL CLOONEY

Combinação calça + (meio) vestido: ame ou odeie!

LILLY COLLINS

Uma das primeiras a surgir mais temática, e arrasou no clima gótica!

KIM KARDASHIAN

No Insta os comentários eram de que Kim estava a perfeição, como se tivesse pegado o melhor de cada época dela e juntado em um único look, do vestido justíssimo ao make!

Particularmente gosto mais quando ela está mais natural (como no MET do ano passado), mas a bicha tá linda, isso não tem o que contestar!

JENNIFER LOPEZ

Ela saiu do combo transparência nude/dourado + bordados e continuou arrasando (ainda mais com o boyzão, Alex Rodriguez, junto)!

BELLA HADID

Não é aquele “look de bonita”, mas uma boa conexão com o tema pela arquitetura gótica presente até hoje nas Igrejas…!

ZENDAYA

Ela encarnou uma Joana d’Arc fashionista maravilhosa, uma das melhores da noite!

AMBER HEARD

Clean e arrasando no acessório de cabeça (em geral eles estavam lindos)!

DIANE KRUGER

Conseguiu levar drama para o vestido curto, e ainda deu o toque trendy da sandália com o detalhe transparente!

ROSIE HUNTINGTON-WHITELEY

Apenas… divina! Todinha maravilhosa!

KYLIE JENNER

Em seu primeiro red carpet após o nascimento da Stormi em fevereiro Kylie fez uma opção mais basiquinha, com destaque para o oclinhos…

ARIANA GRANDE

Super no tema com essa estampa linda remetendo à Capela Sistina, Ariana conseguiu ser dramática e leve ao mesmo tempo: o vestido é super impactante, mas ao mesmo não a envelheceu, a produção continuou fresh (talvez por mérito do laço também)!

SARAH JESSICA PARKER

Se tem alguém que causa em todo Baile do MET, independente do tema, é a Sarah! Acho que ela é tipo aqule “nível Rihanna” de experimentação – a gente vai estranhar se for basiquinha, isso sim!

LANA DEL REY

Toda musa etérea que é, não poderia faltar nesse MET, né?

SELENA GOMEZ

Beeem basiquinha vibes camisolinha!

CARA DELEVINGNE


FOTOS: Getty Images

Fez a misteriosa, e algumas pessoas lá no Insta indicaram a inspiração em um confessionário! kkk Achei linda!


EXTRA:
da séries looks mais loucões…

Teve a Solange Knowles, Cardi B, Nicki Minaj e Madonna

Se não fosse assim, não seria #Madonna né? #METheavenlybodies 📷 @gettyimages

A post shared by Garotas Estúpidas (@garotasestupidas) on

…e a Frances McDormand de plantinha! kkk


Tem mais um mooonte de produções lá no @garotasestupidas, não deixem de ver!

  • Curtiram os looks? Qual seu favorito?

21 looks do Baile do MET 2018!

08 maio 2018
- Por Camila Coutinho
Comentários

A segunda-feira foi de Baile do MET, o que significa post recheado de looks fashionistas para comentar aqui! Nessa edição o gala comemora a abertura da exposição Heavenly Bodies: Fashion and the Catholic Imagination (corpos celestiais: moda e a imaginação católica, em português) no Metropolitan Museum em Nova York (saiba mais sobre o tema e curiosidades como “quanto custa o convite” nesse post aqui!).

De modo geral, foi um red carpet bem surpreendente: tivemos os “looks fantasia” como o MET pede, os que incorporaram a inspiração de uma maneira mais sutil e os que eram simplesmente vestidos bonitos, nem aí com o tema! Achava que talvez o look “santa Dolce & Gabbana” dos pés à cabeça fosse bombar, mas que nada! A Versace dominou geral, sem dúvidas ter Donatella Versace como uma das hosts ajudou nisso, mas dá pra notar também que quem usou a marca foram celebs já cativas dos vestidos da grife já de outros METs, inclusive.

E como é look que não acaba mais, separamos aqui os 21 “tem que ver” dessa edição! Confira:

BLAKE LIVELY

Foi uma verdadeira visão no red carpet! Uniu drama com a saiona e os bordados, a transparência sutil no vestido mais justo, a riqueza do corpete – levou “apenas” 600 HORAS para ser bordado à mão! -, sem falar no arranjo de cabeça (acessório que teve bastante destaque nesse MET).

Blake surgiu e os comentários no Insta eram: “pronto, já temos a vencedora da noite”! kkk Divina mesmo!

RIHANNA

Depois do vestido amarelo de 2015 tenho a impressão de que a gente fica sempre esperando algo com aquele impacto, aquela cauda… por isso à primeira vista o look pode até parecer básico para ela!

Mas olhando bem… quem mais poderia incorporar a santidade assim senão ela, né? Ainda estou curiosa para saber o quanto pesa esse look, porque repara: não tem um pedacinho que não esteja bordado! Ryqueza pura!

KATY PERRY

Nossa Angel! O look performático que se espera dela mesmo – afinal, ela é dessas que adora uma montação, principalmente se tiver um lado assim mais divertido!

Única coisa só que fiquei com a impressão de que faltou movimento na asa, Katy parecia um pouco dura posando com os bracinhos esticados ao lado… kkk Mas lacrou, e junto com Blake e Rihanna formou o pódio que será lembrado quando pensarmos no MET 2018!

KENDALL JENNER

À primeira vista o look da Kendall pode não parecer grande coisa… Mas aí começaram a me mandar isso aqui:

Tava muito na vibe do meu look no Baile da Vogue desse ano! kkk Amei! Meu look era uma representação da fé, e o MET tinha toda essa conexão com a religiosidade no tema. Miga, me pede que te empresto o meu! kkk #aquelas

GIGI HADID

Belíssima com o vestidão que remete aos vitrais das Igrejas!

Mas confesso que gostei mais dele de costas/lateral, a frente não me conquistou tanto…

GISELE BUNDCHEN

Depois de tantas vezes em que já a vimos des-lum-bran-te acho que esse não está entre os “top looks” dela… Claro que é impossível essa mulher ficar feia, é luz sempre, por onde passa, mas parece que faltou um certo glamour… talvez até mesmo algum acessório que remetesse ao tema (embora Gisa nunca ligue para ele mesmo, e tudo bem kkk).

Mas tem mais uma coisa bem bacana que vale comentar: o vestido é totalmente sustentável, a Versace confeccionou o modelo especialmente para ela utilizando tecido e forro de seda 100% orgânicos e ecologicamente tingidos, tudo certificado!

AMAL CLOONEY

Combinação calça + (meio) vestido: ame ou odeie!

LILLY COLLINS

Uma das primeiras a surgir mais temática, e arrasou no clima gótica!

KIM KARDASHIAN

No Insta os comentários eram de que Kim estava a perfeição, como se tivesse pegado o melhor de cada época dela e juntado em um único look, do vestido justíssimo ao make!

Particularmente gosto mais quando ela está mais natural (como no MET do ano passado), mas a bicha tá linda, isso não tem o que contestar!

JENNIFER LOPEZ

Ela saiu do combo transparência nude/dourado + bordados e continuou arrasando (ainda mais com o boyzão, Alex Rodriguez, junto)!

BELLA HADID

Não é aquele “look de bonita”, mas uma boa conexão com o tema pela arquitetura gótica presente até hoje nas Igrejas…!

ZENDAYA

Ela encarnou uma Joana d’Arc fashionista maravilhosa, uma das melhores da noite!

AMBER HEARD

Clean e arrasando no acessório de cabeça (em geral eles estavam lindos)!

DIANE KRUGER

Conseguiu levar drama para o vestido curto, e ainda deu o toque trendy da sandália com o detalhe transparente!

ROSIE HUNTINGTON-WHITELEY

Apenas… divina! Todinha maravilhosa!

KYLIE JENNER

Em seu primeiro red carpet após o nascimento da Stormi em fevereiro Kylie fez uma opção mais basiquinha, com destaque para o oclinhos…

ARIANA GRANDE

Super no tema com essa estampa linda remetendo à Capela Sistina, Ariana conseguiu ser dramática e leve ao mesmo tempo: o vestido é super impactante, mas ao mesmo não a envelheceu, a produção continuou fresh (talvez por mérito do laço também)!

SARAH JESSICA PARKER

Se tem alguém que causa em todo Baile do MET, independente do tema, é a Sarah! Acho que ela é tipo aqule “nível Rihanna” de experimentação – a gente vai estranhar se for basiquinha, isso sim!

LANA DEL REY

Toda musa etérea que é, não poderia faltar nesse MET, né?

SELENA GOMEZ

Beeem basiquinha vibes camisolinha!

CARA DELEVINGNE


FOTOS: Getty Images

Fez a misteriosa, e algumas pessoas lá no Insta indicaram a inspiração em um confessionário! kkk Achei linda!


EXTRA:
da séries looks mais loucões…

Teve a Solange Knowles, Cardi B, Nicki Minaj e Madonna

Se não fosse assim, não seria #Madonna né? #METheavenlybodies 📷 @gettyimages

A post shared by Garotas Estúpidas (@garotasestupidas) on

…e a Frances McDormand de plantinha! kkk


Tem mais um mooonte de produções lá no @garotasestupidas, não deixem de ver!

  • Curtiram os looks? Qual seu favorito?
07 maio 2018 - Por Andressa Fernandes
Comentários
Zendaya em 2017 | Foto: Getty Images

E chegou a “primeira segunda-feira de maio”, dia esperado por fashionistas mundo afora por ser quando acontece o tradicional Baile do MET, evento que celebra a abertura da exposição anual do Costume Institute no Metropolitan Museum em Nova York!

Oficialmente a festa tem o objetivo de arrecadar fundos para o departamento de moda do museu, mas com o passar dos anos (e o toque de Anna Wintour, editora-chefe da Vogue americana, ali) transformou-se também no maior red carpet de todos (muita gente fica mais ansiosa por ele do que pelo Oscar!). Isso acontece não só porque o MET gala consegue reunir grandes celebridades de todas as áreas (de Rihanna a Beyoncé, passando por Jennifer Lawrence a Kendall Jenner), mas também porque é “a” ocasião para ver as maiores ousadias fashion, sem medo de ser feliz! kkk

Então antes de pegar a pipoca e colocar os dedinhos para comentar os looks com as amigas lá no Insta do @garotasestupidas hoje à noite, separamos aqui 5 fatos para saber sobre o Baile do MET 2018:

1. QUAL O TEMA DESTE ANO?

Peça da coleção de alta-costura da Dior de 2005 presente na expo | Foto: Vogue Magazine

Heavenly Bodies: Fashion and the Catholic Imagination (corpos celestiais: moda e a imaginação católica, em português), é o tema dessa edição. “É tudo sobre a influência do catolicismo nos estilistas, sobre a ligação entre a imagem e a criatividade da igreja, definiu Andrew Bolton, curador das exposições do Costume Institute. “Roupas religiosas e moda, pelo menos em termos de apresentação, são inerentemente performáticas. Existem paralelos entre um desfile e uma procissão de igreja. Normalmente, ambos seguem um arranjo ordenado e regulamentado; ambos têm participantes ativos e passivos; e ambos são acompanhados por música”, completou.

Preview da expo com peças de Mugler, Rodarte, Riccardo Tisci e Christian Lacroix | Fotos: Vogue Magazine

Além de criações de Dolce & Gabbana, Jean Paul Gaultier, Valentino, Dior, Balenciaga, Elsa Schiaparelli e Christian Lacroix (nomes que devem fazer sucesso nos looks dos convidados também), o próprio Vaticano emprestou cerca de 50 peças raras (entre vestes e acessórios papais) da sacristia da Capela Sistina, itens que ficarão em uma área distinta das roupas “profanas” [veja uma prévia da mostra no vídeo no final do post].

Esta é a maior exposição que o Costume Institue já produziu (e possivelmente também a com o tema mais polêmico): são cerca de 58,6 mil metros quadrados divididos em três galerias, o Anna Wintour Costume Center e os ambientes medievais no Met na Quinta Avenida e no Cloisters, no extremo norte de Manhattan.

2. QUEM RECEBE?

Anna Wintour e Andrew Bolton, curador das exposições do Costume Institute; George e Amal Clooney no gala de 2017 | Fotos: Getty Images

Além de Anna Wintour, Rihanna, Donatella Versace e Amal Clooney serão as anfitriãs do evento este ano.

Em 2017 a expo que homenageava Rei Kawakubo reuniu cerca de 550 convidados; esse número deve ser maior este ano, mas sem variar muito disso, já que a exclusividade é outro ponto forte do evento.

3. QUANTO CUSTA UM CONVITE?

Donatella Versace e Kylie Jenner (de Versace, claro) na edição de 2017 | Foto: Getty Images

Segundo o The New York Times, os convites para o MET gala deste ano custam 30 mil dólares por pessoa, e as mesas não saem por menos de 275 mil! Como já dito, o dinheiro vai para o Costume Institute – em 2017 mais de 12 milhões de dólares foram arrecadados!

Geralmente muitas grifes compram as mesas e então convidam celebridades para não só se sentarem com elas, mas também, claro, usarem looks da marca, garantindo assim a presença da label no maior red carpet de todos. É também comum que os estilistas cruzem a escadaria do MET acompanhados de suas musas.

4. O QUE ESPERAR DOS LOOKS?

Tudo! kkk Como já vimos em outras edições, o tema da exposição funciona como uma sugestão para que os convidados abusem da criatividade, mas muita gente prefere ir mais “basiquinho” em um look black tie clássico, ou então pira e escolhe o que dá na cabeça mesmo, independente da exposição.

Este ano o dress code é “Sunday Best” (ou seja, “o melhor do domingo”), uma referência ao tradicional “dia de ir à missa” – imagens angelicais e de santos, roupas de padre e crucifixos devem ter uma presença forte. Anna Wintour não costuma ser muito extravagante em seus looks Chanel, já a RiRi… ousadia define, especialmente nos últimos anos:

Fotos: Getty Images

Como a cantora está lançando uma linha de lingerie, a gente aqui aposta que ela bem pode dar um jeitinho de criar um look bafo com alguma peça da linha – imagina esse marketing, né? Veremos!

5. O QUE ROLA LÁ DENTRO?

Foto: Instagram/@kyliejenner

Há uma política de “sem posts nas redes sociais” após cruzar o red carpet, mas quando se tem as personalidades mais seguidas do Instagram no mesmo ambiente isso acaba sendo meio impossível, né? Pode-se dizer que elas deram “seu jeitinho” e nas últimas edições o banheiro do museu (sério!) acabou se tornando o hotspot para selfies, fofocas e os cliques que farão mais sucesso na noite (ou mesmo causarão polêmicas, como quando apareceram fumando em um deles).

A festa em si segue o seguinte protocolo: após os cumprimentos e entrevistas do red carpet os convidados seguem em um tour pela exposição até chegar ao salão onde acontece o jantar, discursos e um grande show – como uma das anfitriãs, espera-se que Rihanna seja mais uma vez a entertainer da noite (há inclusive a expectativa de que ela apresente música nova!).

Após o Baile do MET a exposição será aberta para o público no dia 10 de maio, e ficará em cartaz até 08 de outubro de 2018; o ingresso adulto custa US$ 25

  • EM TEMPO: você já deve ter ouvido falar no documentário First Monday in May, lançado em 2016, mas já que estamos no tema vale reforçar aqui a dica para assistir! O filme mostra a organização da mostra China: Through the Looking Glass (aquela de Rihanna com o icônico vestido amarelo Guo Pei), e se você acha que vai ficar obcecada por Anna Wintour negando esse ou aquele convite, saiba que é o curador da expo, Andrew Bolton, quem rouba mesmo a cena. É fascinante ver toda a monumental preparação para uma exibição e evento desse porte – mesmo quem não é exatamente fã de moda vai gostar! Dá para encontrar trechos no Youtube e atualmente também está disponível no catálogo do NOW, serviço on demand da NET.

Quanto custa o convite para o baile do MET? Essas e outras curiosidades sobre o maior red carpet de todos!

07 maio 2018
- Por Andressa Fernandes
Comentários
Zendaya em 2017 | Foto: Getty Images

E chegou a “primeira segunda-feira de maio”, dia esperado por fashionistas mundo afora por ser quando acontece o tradicional Baile do MET, evento que celebra a abertura da exposição anual do Costume Institute no Metropolitan Museum em Nova York!

Oficialmente a festa tem o objetivo de arrecadar fundos para o departamento de moda do museu, mas com o passar dos anos (e o toque de Anna Wintour, editora-chefe da Vogue americana, ali) transformou-se também no maior red carpet de todos (muita gente fica mais ansiosa por ele do que pelo Oscar!). Isso acontece não só porque o MET gala consegue reunir grandes celebridades de todas as áreas (de Rihanna a Beyoncé, passando por Jennifer Lawrence a Kendall Jenner), mas também porque é “a” ocasião para ver as maiores ousadias fashion, sem medo de ser feliz! kkk

Então antes de pegar a pipoca e colocar os dedinhos para comentar os looks com as amigas lá no Insta do @garotasestupidas hoje à noite, separamos aqui 5 fatos para saber sobre o Baile do MET 2018:

1. QUAL O TEMA DESTE ANO?

Peça da coleção de alta-costura da Dior de 2005 presente na expo | Foto: Vogue Magazine

Heavenly Bodies: Fashion and the Catholic Imagination (corpos celestiais: moda e a imaginação católica, em português), é o tema dessa edição. “É tudo sobre a influência do catolicismo nos estilistas, sobre a ligação entre a imagem e a criatividade da igreja, definiu Andrew Bolton, curador das exposições do Costume Institute. “Roupas religiosas e moda, pelo menos em termos de apresentação, são inerentemente performáticas. Existem paralelos entre um desfile e uma procissão de igreja. Normalmente, ambos seguem um arranjo ordenado e regulamentado; ambos têm participantes ativos e passivos; e ambos são acompanhados por música”, completou.

Preview da expo com peças de Mugler, Rodarte, Riccardo Tisci e Christian Lacroix | Fotos: Vogue Magazine

Além de criações de Dolce & Gabbana, Jean Paul Gaultier, Valentino, Dior, Balenciaga, Elsa Schiaparelli e Christian Lacroix (nomes que devem fazer sucesso nos looks dos convidados também), o próprio Vaticano emprestou cerca de 50 peças raras (entre vestes e acessórios papais) da sacristia da Capela Sistina, itens que ficarão em uma área distinta das roupas “profanas” [veja uma prévia da mostra no vídeo no final do post].

Esta é a maior exposição que o Costume Institue já produziu (e possivelmente também a com o tema mais polêmico): são cerca de 58,6 mil metros quadrados divididos em três galerias, o Anna Wintour Costume Center e os ambientes medievais no Met na Quinta Avenida e no Cloisters, no extremo norte de Manhattan.

2. QUEM RECEBE?

Anna Wintour e Andrew Bolton, curador das exposições do Costume Institute; George e Amal Clooney no gala de 2017 | Fotos: Getty Images

Além de Anna Wintour, Rihanna, Donatella Versace e Amal Clooney serão as anfitriãs do evento este ano.

Em 2017 a expo que homenageava Rei Kawakubo reuniu cerca de 550 convidados; esse número deve ser maior este ano, mas sem variar muito disso, já que a exclusividade é outro ponto forte do evento.

3. QUANTO CUSTA UM CONVITE?

Donatella Versace e Kylie Jenner (de Versace, claro) na edição de 2017 | Foto: Getty Images

Segundo o The New York Times, os convites para o MET gala deste ano custam 30 mil dólares por pessoa, e as mesas não saem por menos de 275 mil! Como já dito, o dinheiro vai para o Costume Institute – em 2017 mais de 12 milhões de dólares foram arrecadados!

Geralmente muitas grifes compram as mesas e então convidam celebridades para não só se sentarem com elas, mas também, claro, usarem looks da marca, garantindo assim a presença da label no maior red carpet de todos. É também comum que os estilistas cruzem a escadaria do MET acompanhados de suas musas.

4. O QUE ESPERAR DOS LOOKS?

Tudo! kkk Como já vimos em outras edições, o tema da exposição funciona como uma sugestão para que os convidados abusem da criatividade, mas muita gente prefere ir mais “basiquinho” em um look black tie clássico, ou então pira e escolhe o que dá na cabeça mesmo, independente da exposição.

Este ano o dress code é “Sunday Best” (ou seja, “o melhor do domingo”), uma referência ao tradicional “dia de ir à missa” – imagens angelicais e de santos, roupas de padre e crucifixos devem ter uma presença forte. Anna Wintour não costuma ser muito extravagante em seus looks Chanel, já a RiRi… ousadia define, especialmente nos últimos anos:

Fotos: Getty Images

Como a cantora está lançando uma linha de lingerie, a gente aqui aposta que ela bem pode dar um jeitinho de criar um look bafo com alguma peça da linha – imagina esse marketing, né? Veremos!

5. O QUE ROLA LÁ DENTRO?

Foto: Instagram/@kyliejenner

Há uma política de “sem posts nas redes sociais” após cruzar o red carpet, mas quando se tem as personalidades mais seguidas do Instagram no mesmo ambiente isso acaba sendo meio impossível, né? Pode-se dizer que elas deram “seu jeitinho” e nas últimas edições o banheiro do museu (sério!) acabou se tornando o hotspot para selfies, fofocas e os cliques que farão mais sucesso na noite (ou mesmo causarão polêmicas, como quando apareceram fumando em um deles).

A festa em si segue o seguinte protocolo: após os cumprimentos e entrevistas do red carpet os convidados seguem em um tour pela exposição até chegar ao salão onde acontece o jantar, discursos e um grande show – como uma das anfitriãs, espera-se que Rihanna seja mais uma vez a entertainer da noite (há inclusive a expectativa de que ela apresente música nova!).

Após o Baile do MET a exposição será aberta para o público no dia 10 de maio, e ficará em cartaz até 08 de outubro de 2018; o ingresso adulto custa US$ 25

  • EM TEMPO: você já deve ter ouvido falar no documentário First Monday in May, lançado em 2016, mas já que estamos no tema vale reforçar aqui a dica para assistir! O filme mostra a organização da mostra China: Through the Looking Glass (aquela de Rihanna com o icônico vestido amarelo Guo Pei), e se você acha que vai ficar obcecada por Anna Wintour negando esse ou aquele convite, saiba que é o curador da expo, Andrew Bolton, quem rouba mesmo a cena. É fascinante ver toda a monumental preparação para uma exibição e evento desse porte – mesmo quem não é exatamente fã de moda vai gostar! Dá para encontrar trechos no Youtube e atualmente também está disponível no catálogo do NOW, serviço on demand da NET.
30 jan 2018 - Por Camila Coutinho
Comentários

Depois dos looks do “Oscar da música”, precisamos dar um close nos makes do Grammy! Amando que essa temporada de red carpets está com uma beleza super inspiradora, muita cor, looks devidamente impactantes para uma premiação, ora com uma leveza que não costumávamos ver, ora dramáticos como pede o (Gaga) figurino! Vem ver de pertinho:

Quem não abre mão daquele olho bem pretão com certeza já separou esse look da Lady Gaga como ideia para a próxima festa! O make criado por Sarah Tanno foi “inspirado em uma noite estrelada”, um complemento perfeito para seu dramático vestido Armani!

Assim como no Superbowl do ano passado, o make foi todo com produtos Marc Jacobs Beauty! Sarah usou o Highliner Gel Eye Crayon Eyeliner, cor Blacquer 42, em toda a pálpebra; depois veio com o delineador em caneta Magic Marc’er Precision Pen para definir o formato gatinho.

Esse brilho lindo vem do tom pêssego da paleta Eye-Conic Multi-Finish cor Glambition (aplicada até a sobrancelha) + a sombra preta brilhante da paleta Edgitorial, usada para esfumar os traços. Sarah então finalizou com a máscara Velvet Noir Major Volume e mais alguns toques de glitter prateado. Para os lábios, mais neutros, ela apostou no lápis labial Beauty Poutliner tom Prim (rose) 304 + o novo batom Le Marc Lip Crème Lipstick cor Cream & Sugar.

A categoria beleza no look da Gaga não parou por aí, e ainda teve a “trança corset” bafooo! O trançado com a linha preta deu um tom mais dark à produção, contrastando com o romantismo da trança. “Ornou” muito bem com o look todo, né?

Com um brinco desses Beyoncé podia ir até nua que já estaria com um look poderosíssimo para o Grammy! kkk Mas ela ainda completou com o batom roxo – bem tendencinha ultra violet! – para deixar a produção muito mais impactante!

Seu maquiador, Sir John, usou uma combinação de duas cores matte do Tatouage Couture Liquid Matte Lip da YSL, o Fuchsia Intime e o Carmine Encounter. Ele deu a dica para fazer o bocão perfeito: lápis de boca para desenhar e preencher os lábios antes do batom líquido, assim ele não escorre!

No restante do arsenal de beleza, destaque ainda para os produtos queridinhos da Glossier (incluindo uma sombra rose gold que ainda será lançada, sente o poder!) e para os itens “iluminadores” de modo geral (como o Tru Match Glotion, da L’Óreal, para passar antes ou depois da base, e o Body Hero Daily Perfecting Cream da Glossier, que hidrata e ilumina o corpo).

** AGORA PREPARA O PRINT QUE TEM TRUQUE DIY PRA ARRASAR NO GLOW! “Eu faço um iluminador misturando o Glotion com um pouco de base e hidratante e passo no corpo todo dela. Depois pego um pouco dessa mesma mistura e dou tapinhas nas maçãs do rosto, finalizo com um iluminador em pó por cima”, contou Sir John à People. Esse BeyGlow todo não é à toa! kkk

Os olhos coloridos estão com tudo nessa temporada de premiações (lembra do Globo de Ouro?), e esse make da Hailee Steinfeld casou perfeitamente com o tom moderninho da produção com botas roxas! A sombra verde (que também fica mais pra azul em outras fotos) ganhou um ar mais sofisticado por ser bem esfumada – o clima 80’s está ali, mas devidamente atualizado!

Mais uma ideia para levar mais cor aos olhos! Esse make da Janelle Monae é ideal para quem quer algo mais discreto, ou até mesmo mais fácil de fazer: o traço verde metálico rente aos cílios inferiores ficou lindo na combinação com o delineado clássico. Se não tiver um lápis de olho no tom desejado, molhe um pouco a ponta do pincel chanfrado e use uma sombra, a cor fica mais intensa!

Com o cabelão poder e a sombra roxinha, Rihanna também estava super na vibe 80’s! Mas olha mais uma vez como o esfumado mais suave faz toda a diferença, ficou um look bem mais fresh do que o escolhido pela Andra Day:

A cantora usou o roxo mais intenso (e intencionalmente borrado), combinado ainda com um batom vermelho. Ok que claramente a intenção era de fato um look mais “carregado”, mas na hora de tentar em casa melhor suavizar um dos dois pontos para um resultado mais atual!

No time do bocão teve ainda a Lorde com o batom vermelho aberto combinando com olhos bem suaves, impactante na medida, principalmente por conta do match com a cor do vestido!

E Rita Ora com o batom vinho Stay Matte Liquid Lip Colour cores Plum This Show & Firestarter da Rimmel London. Ok que o destaque todo do look era mesmo a boca, mas olhando as fotos em close, pensando no squad que ela tem, não dá pra entender essa sombra aqui acumulando na pálpebra, né?


FOTOS: Getty Images e Reprodução/Instagram

Coisa que um bom primer de sombra resolve rapidinho!

  • Gostaram dos makes desse Grammy? Qual seu favorito?

Os makes do Grammy 2018 que valem o close!

30 jan 2018
- Por Camila Coutinho
Comentários

Depois dos looks do “Oscar da música”, precisamos dar um close nos makes do Grammy! Amando que essa temporada de red carpets está com uma beleza super inspiradora, muita cor, looks devidamente impactantes para uma premiação, ora com uma leveza que não costumávamos ver, ora dramáticos como pede o (Gaga) figurino! Vem ver de pertinho:

Quem não abre mão daquele olho bem pretão com certeza já separou esse look da Lady Gaga como ideia para a próxima festa! O make criado por Sarah Tanno foi “inspirado em uma noite estrelada”, um complemento perfeito para seu dramático vestido Armani!

Assim como no Superbowl do ano passado, o make foi todo com produtos Marc Jacobs Beauty! Sarah usou o Highliner Gel Eye Crayon Eyeliner, cor Blacquer 42, em toda a pálpebra; depois veio com o delineador em caneta Magic Marc’er Precision Pen para definir o formato gatinho.

Esse brilho lindo vem do tom pêssego da paleta Eye-Conic Multi-Finish cor Glambition (aplicada até a sobrancelha) + a sombra preta brilhante da paleta Edgitorial, usada para esfumar os traços. Sarah então finalizou com a máscara Velvet Noir Major Volume e mais alguns toques de glitter prateado. Para os lábios, mais neutros, ela apostou no lápis labial Beauty Poutliner tom Prim (rose) 304 + o novo batom Le Marc Lip Crème Lipstick cor Cream & Sugar.

A categoria beleza no look da Gaga não parou por aí, e ainda teve a “trança corset” bafooo! O trançado com a linha preta deu um tom mais dark à produção, contrastando com o romantismo da trança. “Ornou” muito bem com o look todo, né?

Com um brinco desses Beyoncé podia ir até nua que já estaria com um look poderosíssimo para o Grammy! kkk Mas ela ainda completou com o batom roxo – bem tendencinha ultra violet! – para deixar a produção muito mais impactante!

Seu maquiador, Sir John, usou uma combinação de duas cores matte do Tatouage Couture Liquid Matte Lip da YSL, o Fuchsia Intime e o Carmine Encounter. Ele deu a dica para fazer o bocão perfeito: lápis de boca para desenhar e preencher os lábios antes do batom líquido, assim ele não escorre!

No restante do arsenal de beleza, destaque ainda para os produtos queridinhos da Glossier (incluindo uma sombra rose gold que ainda será lançada, sente o poder!) e para os itens “iluminadores” de modo geral (como o Tru Match Glotion, da L’Óreal, para passar antes ou depois da base, e o Body Hero Daily Perfecting Cream da Glossier, que hidrata e ilumina o corpo).

** AGORA PREPARA O PRINT QUE TEM TRUQUE DIY PRA ARRASAR NO GLOW! “Eu faço um iluminador misturando o Glotion com um pouco de base e hidratante e passo no corpo todo dela. Depois pego um pouco dessa mesma mistura e dou tapinhas nas maçãs do rosto, finalizo com um iluminador em pó por cima”, contou Sir John à People. Esse BeyGlow todo não é à toa! kkk

Os olhos coloridos estão com tudo nessa temporada de premiações (lembra do Globo de Ouro?), e esse make da Hailee Steinfeld casou perfeitamente com o tom moderninho da produção com botas roxas! A sombra verde (que também fica mais pra azul em outras fotos) ganhou um ar mais sofisticado por ser bem esfumada – o clima 80’s está ali, mas devidamente atualizado!

Mais uma ideia para levar mais cor aos olhos! Esse make da Janelle Monae é ideal para quem quer algo mais discreto, ou até mesmo mais fácil de fazer: o traço verde metálico rente aos cílios inferiores ficou lindo na combinação com o delineado clássico. Se não tiver um lápis de olho no tom desejado, molhe um pouco a ponta do pincel chanfrado e use uma sombra, a cor fica mais intensa!

Com o cabelão poder e a sombra roxinha, Rihanna também estava super na vibe 80’s! Mas olha mais uma vez como o esfumado mais suave faz toda a diferença, ficou um look bem mais fresh do que o escolhido pela Andra Day:

A cantora usou o roxo mais intenso (e intencionalmente borrado), combinado ainda com um batom vermelho. Ok que claramente a intenção era de fato um look mais “carregado”, mas na hora de tentar em casa melhor suavizar um dos dois pontos para um resultado mais atual!

No time do bocão teve ainda a Lorde com o batom vermelho aberto combinando com olhos bem suaves, impactante na medida, principalmente por conta do match com a cor do vestido!

E Rita Ora com o batom vinho Stay Matte Liquid Lip Colour cores Plum This Show & Firestarter da Rimmel London. Ok que o destaque todo do look era mesmo a boca, mas olhando as fotos em close, pensando no squad que ela tem, não dá pra entender essa sombra aqui acumulando na pálpebra, né?


FOTOS: Getty Images e Reprodução/Instagram

Coisa que um bom primer de sombra resolve rapidinho!

  • Gostaram dos makes desse Grammy? Qual seu favorito?
16 out 2017 - Por Camila Coutinho
Comentários

Se em menos de uma semana Rihanna, Bella Hadid, Hailey Baldwin e Kim Kardashian aparecem com o mesmo penteado é bom a gente ficar bem de olho, hein?!

As quatro, cada uma ao seu estilo, apostaram no rabo de cavalo bem alto, aquele com um perfume bem anos 90 (ainda mais se combinado com os scrunchies, aquelas “xuquinhas” de tecido que voltaram do limbo fashion junto com o colar de tattoo e outros itens das décadas passadas)! Confira aqui como elas usaram:

Estilo à parte, bom mesmo é que de modo geral é um penteado bem fácil de fazer! O maior trabalho fica por conta de deixar os fios bem esticadinhos na frente (o ideal é ir acertando com um pente fino e usar um spray seco no caso de uma festa) e, se for o caso, do babyliss no comprimento – aliás, fala se não é uma ótima saída pra quando a gente fica com preguiça de lavar o cabelo e aquele look da festa fica naquele nem lá, nem cá?! rs Arrisco dizer que a textura que os fios ganham no dia seguinte pode deixar o penteado até mais interessante, por isso se quiser esse efeito já na hora vale apostar em um produto como um salt spray para deixar os fios mais encorpados.

Nossas fashionistas favoritas aí também provaram como o rabo de cavalo alto ainda é super versátil – vai desde produções mais formais ao dia a dia -, sem falar que dá muito para aproveitar esse clima 90’s e deixar o look mais cool só com esse toque!

  • E aí, curtiram essa inspiração de penteado?

O penteado que Rihanna, Bella Hadid, Hailey Baldwin e Kim Kardashian estão amando!

16 out 2017
- Por Camila Coutinho
Comentários

Se em menos de uma semana Rihanna, Bella Hadid, Hailey Baldwin e Kim Kardashian aparecem com o mesmo penteado é bom a gente ficar bem de olho, hein?!

As quatro, cada uma ao seu estilo, apostaram no rabo de cavalo bem alto, aquele com um perfume bem anos 90 (ainda mais se combinado com os scrunchies, aquelas “xuquinhas” de tecido que voltaram do limbo fashion junto com o colar de tattoo e outros itens das décadas passadas)! Confira aqui como elas usaram:

Estilo à parte, bom mesmo é que de modo geral é um penteado bem fácil de fazer! O maior trabalho fica por conta de deixar os fios bem esticadinhos na frente (o ideal é ir acertando com um pente fino e usar um spray seco no caso de uma festa) e, se for o caso, do babyliss no comprimento – aliás, fala se não é uma ótima saída pra quando a gente fica com preguiça de lavar o cabelo e aquele look da festa fica naquele nem lá, nem cá?! rs Arrisco dizer que a textura que os fios ganham no dia seguinte pode deixar o penteado até mais interessante, por isso se quiser esse efeito já na hora vale apostar em um produto como um salt spray para deixar os fios mais encorpados.

Nossas fashionistas favoritas aí também provaram como o rabo de cavalo alto ainda é super versátil – vai desde produções mais formais ao dia a dia -, sem falar que dá muito para aproveitar esse clima 90’s e deixar o look mais cool só com esse toque!

  • E aí, curtiram essa inspiração de penteado?
PERFIL
Camila Coutinho
MOST WANTED

Copyright © 2018 - garotasestupidas.com - Todos os direitos reservados
Designed and Created bt Condomínio Network
INSTAGRAM
Copyright © 2018 - garotasestupidas.com - Todos os direitos reservados | Designed and Created bt Condomínio Network