Escolha uma opção de navegação: Blog/ Site
Escolha sua navegação: Site / Blog
10 mar 2018 - Por Camila Coutinho
Comentários


“Camila, você não vai acabar de escrever esse livro aí não?” acho que foi a pergunta que mais ouvi dos amigos, familiares e leitores nesses últimos dois anos! kkkk Mas hoje finalmente tenho o prazer de contar que Estúpida, eu?, meu primeiro livro (publicado pela editora Intrínseca) entrou em PRÉ-VENDA e já tem data de lançamento oficial: 27/04!!!

Se alguém viajasse no tempo e me contasse essa notícia em 2006, quando publiquei o primeiro post de um blog chamado Garotas Estúpidas, seria bem difícil de acreditar que 11 anos de posts depois estaria dividindo essa jornada com todo mundo em um livro! (me belisca?? aaahhhh!!! ❤)

Mais do que experiências pessoais (é muita história, viu!), tendências de mercado e dicas sobre carreira, esse livro fala sobre como uma escolha pode mudar sua vida e da importância de acreditar de verdade e levar em frente suas ideias… mesmo que elas pareçam meio malucas!

Estamos planejando os eventos de lançamento e assim que tiver mais detalhes conto pra vocês a programação certinha, claro! Tem entrevista na Glamour falando um pouquinho mais sobre esse meu “filho”, clica aqui pra ver!

Por enquanto corre na Saraiva e na Amazon para já garantir o seu Estúpida, eu? na pré-venda!! E lembrando que dia 27/04 chega em todas as livrarias!! Tô doida pra saber o que vocês vão achar!!!

Tags
Comente Aqui

Alguém me belisca?! “Estúpida, eu?”, meu primeiro livro, entrou em pré-venda!!!

10 mar 2018
- Por Camila Coutinho
Comentários


“Camila, você não vai acabar de escrever esse livro aí não?” acho que foi a pergunta que mais ouvi dos amigos, familiares e leitores nesses últimos dois anos! kkkk Mas hoje finalmente tenho o prazer de contar que Estúpida, eu?, meu primeiro livro (publicado pela editora Intrínseca) entrou em PRÉ-VENDA e já tem data de lançamento oficial: 27/04!!!

Se alguém viajasse no tempo e me contasse essa notícia em 2006, quando publiquei o primeiro post de um blog chamado Garotas Estúpidas, seria bem difícil de acreditar que 11 anos de posts depois estaria dividindo essa jornada com todo mundo em um livro! (me belisca?? aaahhhh!!! ❤)

Mais do que experiências pessoais (é muita história, viu!), tendências de mercado e dicas sobre carreira, esse livro fala sobre como uma escolha pode mudar sua vida e da importância de acreditar de verdade e levar em frente suas ideias… mesmo que elas pareçam meio malucas!

Estamos planejando os eventos de lançamento e assim que tiver mais detalhes conto pra vocês a programação certinha, claro! Tem entrevista na Glamour falando um pouquinho mais sobre esse meu “filho”, clica aqui pra ver!

Por enquanto corre na Saraiva e na Amazon para já garantir o seu Estúpida, eu? na pré-venda!! E lembrando que dia 27/04 chega em todas as livrarias!! Tô doida pra saber o que vocês vão achar!!!

13 out 2015 - Por Camila Coutinho
Comentários

abre-sophie

Quem leu ao menos um livro de Sophie Kinsella sabe muito bem como a autora pode ser engraçada, inteligente e fofa, dessas que te conquistam em poucas páginas! Melhor ainda encontrá-la e descobrir que ela é tudo isso em pessoa mesmo!

Sophie esteve recentemente no Brasil para lançar o livro Becky Bloom em Hollywood, e à convite do consulado britânico, em parceria com o Grupo Editoral Record, participou de um café da manhã em São Paulo que reuniu fãs, blogueiras e algumas sortudas (como a Marcella e a Natashia, que ganharam um concurso cultural promovido lá no Facebook do GE!).

Antes de começar o bate-papo, Sophie falou um pouquinho com o GE sobre Becky e a carreira – assuntos mais atuais do que nunca, já que no dia 22 de outubro chega às livrarias do Reino Unido a oitava aventura shopaholic, Becky Bloom to the Rescue; confira abaixo a entrevista e depois mais algumas curiosidades reveladas durante a manhã:

GE: O primeiro livro com a Becky foi lançado há 15 anos já! Se você fosse sentar para escrevê-lo hoje, o que acha que seria diferente?

SOPHIE: O mais óbvio é que ela estaria comprando online. Quando comecei a escrever sua história isso não era uma coisa grande, quase nem existia ainda. Para ela comprar era aquela experiência de ir às lojas, tocar, sentir… E talvez hoje fosse mais click, click, click! Mas na verdade acho que ela sempre adoraria ir às lojas, por causa de todo aquele sentimento e tal. E com certeza também teria muito mais comunicação, ela mandaria mensagens o tempo todo, ficaria postando nas redes sociais, mas acho que ela não seria uma pessoa diferente, continuaria sendo Becky!

GE: Será que ela poderia ser uma blogueira? Ou vlogger?

SOPHIE: Exatamente! Ela provavelmente blogaria tudo e cada coisa que comprasse, faria updates online o tempo todo, porque é isso que fazemos hoje, nós compartilhamos!

GE: Quando lançou o primeiro Delírios de Consumo de Becky Bloom imaginava que poderia ser esse todo esse sucesso?

SOPHIE: Não… Eu li o livro e pensei “oh, estou escrevendo literatura para algumas garotas como Becky”. E talvez essas garotas vão entender. Mas acabou que existem tantas garotas como ela! E garotos também! Então tem sido incrível, pensar que as pessoas a entendem no mundo todo é mágico! E não é só porque “ela compra, eu também”, as pessoas a amam! Becky é corajosa, honesta, sempre acha uma solução… Não é só o consumismo, tem muito mais que isso.

Nota da colaboradora: não dá pra não falar também no humor da Becky!  Quando li Delírios de consumo(…) há uns bons anos lembro de chegar ao ponto de não aguentar e gargalhar no meio do metrô com várias situações pelas quais ela passava (algumas até um pouco familiares hihi)! kkk

GE: Além de Becky Bloom to the Rescue [oitavo livro da série, que dá sequência a Becky Bloom em Hollywood e será lançado no exterior no final de outubro], quais seus planos para Becky?

SOPHIE:  Em Shopaholic to the Rescue, Becky vai direto de Hollywood para uma road trip com destino a Las Vegas, e tem um mistério em família, uma grande aventura. Acabei de fazer esse e depois darei um tempo da Becky. Eu a amo, mas estou pronta para escrever sobre outra pessoa. Talvez uma ou duas histórias independentes, e aí em algum ponto vou retomá-la. Ainda não é o fim dela.

becky-novos
‘Becky Bloom em Hollywood’ ganhou essa capa especial para o lançamento! “Becky se deixa levar pelo mundo das celebs, quer fazer o styling das estrelas… eu acho que ela talvez vá até um pouco longe demais. Claro que ela pode tentar ser aquela pessoa glamourosa, mas não dá muito certo! rs”, contou Sophie

GE: Já pensou em uma série de TV para ela?

SOPHIE: Isso é interessante, eu acho que seria incrível! Eu não posso fazer nada [com ela] porque a Disney tem os direitos, mas seria uma ótima série para a TV, porque poderiam ter tantos episódios, há tantas aventuras, seria divertido. Quem sabe eles não pensem nisso, estou torcendo!

Em tempo: outro livro de Sophie, Lembra de Mim? está sendo adaptado para uma mini-série nos Estados Unidos, e vem aí também uma versão chinesa (!) do filme da Becky!

GE: Você com certeza já respondeu isso muitas vezes, mas preciso perguntar… Qual foi seu maior delírio de consumo?

SOPHIE: Oh, já tive tantos! Uma vez disse para o meu marido: “preciso da casa vazia, estou escrevendo, é muito importante, tenho que ficar sozinha”. Então ele pegou as crianças e saiu, e depois de um tempo escrevendo fiquei entediada e saí para pegar um café. Nisso olhei para uma vitrine e vi um vestido de noite incrível cheio de paetês, pela metade do preço! E fiquei “oh, my god! ele vai acabar, é melhor eu provar”. E a vendedora perguntava para qual ocasião seria e eu nem tinha nennhum evento pra ir. Estava lá colocando o vestido no provador quando meu celular tocou e era o Henry perguntando “como o trabalho está indo? está rendendo?”. E eu… “uhh.. kind of”. [risos] Enfim, comprei o vestido, e acabei achando uma ocasião para usá-lo! Valeu a pena!

filmreview2_51
Isla Fischer deu vida à Becky no cinema! Sophie acompanhou as gravações e não parava de imaginar como seria legal colocar Becky em Hollywood, o que originou o novo livro!

GE: Qual sua dica para quem sonha em se tornar um escritor?

SOPHIE: Primeiro de tudo: apenas escreva. Não pense demais sobre isso. Pegue caneta, papel, ipad… o que for mais fácil para você. Apenas escreva e veja se você curte isso. E se você amar se expressar assim e quiser escrever um livro você precisa ter uma ideia muito boa. Porque escrever um livro leva muito tempo, é difícil, e é muito fácil desistir depois de dois ou três capítulos. Então você precisa achar a ideia que te empolga tanto que você não vai querer parar. Se você escrever mil palavras por dias suficientes já é um livro! Eu sempre digo: escreva o livro que você adoraria ler. Imagine-se em uma livraria: qual livro você escolheria? Por quê? Escreva esse livro, e se você amar as chances são de que todo mundo irá também!

GE: Você e Henry estão juntos há 25 anos já! Tem algo dele no Luke?

SOPHIE: O jeito que Becky e Luke conversam um com o outro é bem parecido!

GE: Vocês têm cinco filhos (quatro meninos de 18, 17, 10 e 5 anos e mais uma menina de 3!!), e compromissos no mundo todo… Como vocês conseguem lidar com tudo?

SOPHIE: Tenho uma família que me dá muito apoio, as crianças entendem o que eu faço, então quando estou escrevendo eles me deixam lá, a gente é um ótimo time! Mas meus filhos também reclamam quando peço para arrumar o quarto, essas coisas… É algo normal!

sophie-evento

E aí, gostaram de saber mais sobre a Sophie? Vale lembrar que autora, que tem 45 anos, tem também vááários outros livros fora da série Becky Bloom (inclusive com seu nome verdadeiro, Madeleine Wickham). Se você curte esse estilo chick-lit, vale a pena conhecer!

Mais motivos pra amar Sophie Kinsella / entrevista com a autora de Becky Bloom!

13 out 2015
- Por Camila Coutinho
Comentários

abre-sophie

Quem leu ao menos um livro de Sophie Kinsella sabe muito bem como a autora pode ser engraçada, inteligente e fofa, dessas que te conquistam em poucas páginas! Melhor ainda encontrá-la e descobrir que ela é tudo isso em pessoa mesmo!

Sophie esteve recentemente no Brasil para lançar o livro Becky Bloom em Hollywood, e à convite do consulado britânico, em parceria com o Grupo Editoral Record, participou de um café da manhã em São Paulo que reuniu fãs, blogueiras e algumas sortudas (como a Marcella e a Natashia, que ganharam um concurso cultural promovido lá no Facebook do GE!).

Antes de começar o bate-papo, Sophie falou um pouquinho com o GE sobre Becky e a carreira – assuntos mais atuais do que nunca, já que no dia 22 de outubro chega às livrarias do Reino Unido a oitava aventura shopaholic, Becky Bloom to the Rescue; confira abaixo a entrevista e depois mais algumas curiosidades reveladas durante a manhã:

GE: O primeiro livro com a Becky foi lançado há 15 anos já! Se você fosse sentar para escrevê-lo hoje, o que acha que seria diferente?

SOPHIE: O mais óbvio é que ela estaria comprando online. Quando comecei a escrever sua história isso não era uma coisa grande, quase nem existia ainda. Para ela comprar era aquela experiência de ir às lojas, tocar, sentir… E talvez hoje fosse mais click, click, click! Mas na verdade acho que ela sempre adoraria ir às lojas, por causa de todo aquele sentimento e tal. E com certeza também teria muito mais comunicação, ela mandaria mensagens o tempo todo, ficaria postando nas redes sociais, mas acho que ela não seria uma pessoa diferente, continuaria sendo Becky!

GE: Será que ela poderia ser uma blogueira? Ou vlogger?

SOPHIE: Exatamente! Ela provavelmente blogaria tudo e cada coisa que comprasse, faria updates online o tempo todo, porque é isso que fazemos hoje, nós compartilhamos!

GE: Quando lançou o primeiro Delírios de Consumo de Becky Bloom imaginava que poderia ser esse todo esse sucesso?

SOPHIE: Não… Eu li o livro e pensei “oh, estou escrevendo literatura para algumas garotas como Becky”. E talvez essas garotas vão entender. Mas acabou que existem tantas garotas como ela! E garotos também! Então tem sido incrível, pensar que as pessoas a entendem no mundo todo é mágico! E não é só porque “ela compra, eu também”, as pessoas a amam! Becky é corajosa, honesta, sempre acha uma solução… Não é só o consumismo, tem muito mais que isso.

Nota da colaboradora: não dá pra não falar também no humor da Becky!  Quando li Delírios de consumo(…) há uns bons anos lembro de chegar ao ponto de não aguentar e gargalhar no meio do metrô com várias situações pelas quais ela passava (algumas até um pouco familiares hihi)! kkk

GE: Além de Becky Bloom to the Rescue [oitavo livro da série, que dá sequência a Becky Bloom em Hollywood e será lançado no exterior no final de outubro], quais seus planos para Becky?

SOPHIE:  Em Shopaholic to the Rescue, Becky vai direto de Hollywood para uma road trip com destino a Las Vegas, e tem um mistério em família, uma grande aventura. Acabei de fazer esse e depois darei um tempo da Becky. Eu a amo, mas estou pronta para escrever sobre outra pessoa. Talvez uma ou duas histórias independentes, e aí em algum ponto vou retomá-la. Ainda não é o fim dela.

becky-novos
‘Becky Bloom em Hollywood’ ganhou essa capa especial para o lançamento! “Becky se deixa levar pelo mundo das celebs, quer fazer o styling das estrelas… eu acho que ela talvez vá até um pouco longe demais. Claro que ela pode tentar ser aquela pessoa glamourosa, mas não dá muito certo! rs”, contou Sophie

GE: Já pensou em uma série de TV para ela?

SOPHIE: Isso é interessante, eu acho que seria incrível! Eu não posso fazer nada [com ela] porque a Disney tem os direitos, mas seria uma ótima série para a TV, porque poderiam ter tantos episódios, há tantas aventuras, seria divertido. Quem sabe eles não pensem nisso, estou torcendo!

Em tempo: outro livro de Sophie, Lembra de Mim? está sendo adaptado para uma mini-série nos Estados Unidos, e vem aí também uma versão chinesa (!) do filme da Becky!

GE: Você com certeza já respondeu isso muitas vezes, mas preciso perguntar… Qual foi seu maior delírio de consumo?

SOPHIE: Oh, já tive tantos! Uma vez disse para o meu marido: “preciso da casa vazia, estou escrevendo, é muito importante, tenho que ficar sozinha”. Então ele pegou as crianças e saiu, e depois de um tempo escrevendo fiquei entediada e saí para pegar um café. Nisso olhei para uma vitrine e vi um vestido de noite incrível cheio de paetês, pela metade do preço! E fiquei “oh, my god! ele vai acabar, é melhor eu provar”. E a vendedora perguntava para qual ocasião seria e eu nem tinha nennhum evento pra ir. Estava lá colocando o vestido no provador quando meu celular tocou e era o Henry perguntando “como o trabalho está indo? está rendendo?”. E eu… “uhh.. kind of”. [risos] Enfim, comprei o vestido, e acabei achando uma ocasião para usá-lo! Valeu a pena!

filmreview2_51
Isla Fischer deu vida à Becky no cinema! Sophie acompanhou as gravações e não parava de imaginar como seria legal colocar Becky em Hollywood, o que originou o novo livro!

GE: Qual sua dica para quem sonha em se tornar um escritor?

SOPHIE: Primeiro de tudo: apenas escreva. Não pense demais sobre isso. Pegue caneta, papel, ipad… o que for mais fácil para você. Apenas escreva e veja se você curte isso. E se você amar se expressar assim e quiser escrever um livro você precisa ter uma ideia muito boa. Porque escrever um livro leva muito tempo, é difícil, e é muito fácil desistir depois de dois ou três capítulos. Então você precisa achar a ideia que te empolga tanto que você não vai querer parar. Se você escrever mil palavras por dias suficientes já é um livro! Eu sempre digo: escreva o livro que você adoraria ler. Imagine-se em uma livraria: qual livro você escolheria? Por quê? Escreva esse livro, e se você amar as chances são de que todo mundo irá também!

GE: Você e Henry estão juntos há 25 anos já! Tem algo dele no Luke?

SOPHIE: O jeito que Becky e Luke conversam um com o outro é bem parecido!

GE: Vocês têm cinco filhos (quatro meninos de 18, 17, 10 e 5 anos e mais uma menina de 3!!), e compromissos no mundo todo… Como vocês conseguem lidar com tudo?

SOPHIE: Tenho uma família que me dá muito apoio, as crianças entendem o que eu faço, então quando estou escrevendo eles me deixam lá, a gente é um ótimo time! Mas meus filhos também reclamam quando peço para arrumar o quarto, essas coisas… É algo normal!

sophie-evento

E aí, gostaram de saber mais sobre a Sophie? Vale lembrar que autora, que tem 45 anos, tem também vááários outros livros fora da série Becky Bloom (inclusive com seu nome verdadeiro, Madeleine Wickham). Se você curte esse estilo chick-lit, vale a pena conhecer!

11 jul 2014 - Por Camila Coutinho
Comentários

Esqueça o Grumpy Cat: agora é Choupette que está vendo sua “carreira” deslanchar além do mundo das celebridades pet! kkk A famosa gata de Karl Lagerfeld, que já tinha aparecido na coleção de toy arts do estilista e ganhado sua devida representação nos emojis inspirados em Karl agora é notícia em dois lançamentos!

lagerfeld-choupette02

Primeiro é uma coleção em parceria com a Shu Uemura, contrato inédito entre uma marca de beleza e um animal de estimação. A Shupette by Karl Lagerfeld for Shu Uemura chegará como linha especial para o Natal, e ao que tudo indica trará cílios postiços que imitem seu pelo e comunicação com declarações da gata, como “queen of catnaps” e “social media’s most wanted”.

lagerfeld-choupette01

Karl até já fotografou a campanha da Choupette para a Shu Uemura e liberou um sketch do projeto, agora é esperar sair mais detalhes sobre a coleção!

A outra novidade envolvendo a Choupette é o lançamento de seu próprio livro: “The Private Life of a High-Flying Fashion Cat” (algo como “A vida privada de um gato da alta-moda”), previsto para setembro.

karl-lagerfeld-choupette-book

Mas como um gato poderá encher 128 páginas?? A resposta está no registro do, digamos, lifestyle de Choupette: a gata tem duas empregadas só pra ela (uma para o dia e outra para a noite), seu próprio iPad, viaja de jatinho privado e faz suas refeições à mesa junto com Karl (e em “pratinhos” by Louis Vuitton ou Goyrad). #ostentação kkk

A publicação trará ainda capítulos relacionados à dieta da gata, dicas de moda, estilo de vida, detalhes sobre sua rotina com o estilista + conselhos de sua veterinária particular, Madame Françoise e de sua empregada favorita. Tudo isso será ilustrado por cliques do próprio Karl e da gata em sua diversas aparições na moda, acompanhando modelos como Laetitia Casta e Linda Evangelista.

karl-lagerfeld-choupette

Meio surreal tudo isso né? Mas se alguém pode mesmo garantir todo esse luxo a um gato é Karl Lagerfeld, nome por trás das criações da Chanel, Fendi e de sua própria marca, além de diversas colaborações. O estilista conheceu Choupette quando o modelo Baptiste Giabiconi deixou a gata para que ele cuidasse durante o feriado de Natal, e ele depois se recusou a devolver! kkk

“Eu a achei tão fofa, mas tem uma personalidade forte. Ela almoça e janta comigo na mesa, com sua própria comida, e até sabe usar o iPad”, disse em uma entrevista. De lá pra cá, Choupette vem se tornando um dos pets mais famosos do mundo. Além dessas novidadese outras aparições, “alimenta” um Twitter com mais de 35 mil seguidores.

  • Interessante para cat lovers, curiosidade para quem quer saber mais sobre Karl Lagerfeld! Quem não queria ter uma vida de Choupette por aí hein? kkk

A gata do momento: lançamentos com a Choupette, de Karl Lagerfeld!

11 jul 2014
- Por Camila Coutinho
Comentários

Esqueça o Grumpy Cat: agora é Choupette que está vendo sua “carreira” deslanchar além do mundo das celebridades pet! kkk A famosa gata de Karl Lagerfeld, que já tinha aparecido na coleção de toy arts do estilista e ganhado sua devida representação nos emojis inspirados em Karl agora é notícia em dois lançamentos!

lagerfeld-choupette02

Primeiro é uma coleção em parceria com a Shu Uemura, contrato inédito entre uma marca de beleza e um animal de estimação. A Shupette by Karl Lagerfeld for Shu Uemura chegará como linha especial para o Natal, e ao que tudo indica trará cílios postiços que imitem seu pelo e comunicação com declarações da gata, como “queen of catnaps” e “social media’s most wanted”.

lagerfeld-choupette01

Karl até já fotografou a campanha da Choupette para a Shu Uemura e liberou um sketch do projeto, agora é esperar sair mais detalhes sobre a coleção!

A outra novidade envolvendo a Choupette é o lançamento de seu próprio livro: “The Private Life of a High-Flying Fashion Cat” (algo como “A vida privada de um gato da alta-moda”), previsto para setembro.

karl-lagerfeld-choupette-book

Mas como um gato poderá encher 128 páginas?? A resposta está no registro do, digamos, lifestyle de Choupette: a gata tem duas empregadas só pra ela (uma para o dia e outra para a noite), seu próprio iPad, viaja de jatinho privado e faz suas refeições à mesa junto com Karl (e em “pratinhos” by Louis Vuitton ou Goyrad). #ostentação kkk

A publicação trará ainda capítulos relacionados à dieta da gata, dicas de moda, estilo de vida, detalhes sobre sua rotina com o estilista + conselhos de sua veterinária particular, Madame Françoise e de sua empregada favorita. Tudo isso será ilustrado por cliques do próprio Karl e da gata em sua diversas aparições na moda, acompanhando modelos como Laetitia Casta e Linda Evangelista.

karl-lagerfeld-choupette

Meio surreal tudo isso né? Mas se alguém pode mesmo garantir todo esse luxo a um gato é Karl Lagerfeld, nome por trás das criações da Chanel, Fendi e de sua própria marca, além de diversas colaborações. O estilista conheceu Choupette quando o modelo Baptiste Giabiconi deixou a gata para que ele cuidasse durante o feriado de Natal, e ele depois se recusou a devolver! kkk

“Eu a achei tão fofa, mas tem uma personalidade forte. Ela almoça e janta comigo na mesa, com sua própria comida, e até sabe usar o iPad”, disse em uma entrevista. De lá pra cá, Choupette vem se tornando um dos pets mais famosos do mundo. Além dessas novidadese outras aparições, “alimenta” um Twitter com mais de 35 mil seguidores.

  • Interessante para cat lovers, curiosidade para quem quer saber mais sobre Karl Lagerfeld! Quem não queria ter uma vida de Choupette por aí hein? kkk
22 ago 2013 - Por Camila Coutinho
Comentários

livros-blogueiras1

Todo mundo que tem blog, seja como atividade full time ou apenas hobby, já ouviu essa pergunta em algum momento: Porque tu começou a “blogar” hein!? Pelo menos no meu caso, porque eu queria trocar idéia com minhas amigas sobre assuntos que a gente amava conversar, celebridades e moda. Comecei sem pretensão nenhuma, de maneira totalmente intuitiva. Mas quando se fala de algo que se gosta muito, a conversa flui, a busca por novidades vira um hábito e essa troca constante de informação nos faz virar meio”especialistas”! kkk

E qual seria o “próximo passo” do mundo dos blogs?! Além de prestar consultoria, estrelar campanhas, lançar linhas de produtos e, por ser referência em um determinado segmento, acabar virando “produto”, muitas blogueiras coroaram seu trabalho trazendo seus melhores posts para a vida real em livros muito bacanas! E não foram poucas viu? Reuni alguns destaques pra vocês, mas tenho certeza que tem mais um monte tão legais quanto…

Começando pelas meninas que falam de lifestyle, moda, beleza, culinária, decor…”Martha Stewartzinhas“, como costumo dizer! kkkk Emily Schuman do Cupcake & Cashmere mostra desde como montar um look legal, até dicas de como fazer uma festa e receber bem – receitinhas included, a moça é prendada.

Já a dupla do Beautiful Mess também aborda os mesmos assuntos, mas foca nos DIY e dicas práticas de fotografia: como capturar momentos lindos de casais, transforme suas fotos em objetos de decoração e até um guia pra tirar boas selfies (que são fotos de você mesma pra quem não sabe! hehe). Ainda nessa pegada, tem a Erica do PS – I Made This que A-HA-ZA nos “faça você mesma” com tutoriais muito simples e criativos.

Hillary Kerr e  Katherine Power, ex editoras da Elle e criadoras do site Who What Wear, já vão no segundo livro! O primeiro “Who What Wear, era um guia de estilo geral, mas esse “What to Wear Where” é mega prático e mostra o que usar em 50 situações específicas. De primeiro encontro a pool party! kkk Tudo com aquele layout lindo que virou marca registrada…

livros-de-blogueiras

Aqui no Brasil, a primeira a se aventurar nas livrarias foi Ale Garattoni e seu “It Girls” (tenho autografado, que chique!!!!), mas há pouco tempo as meninas do Oficina de Estilo, que são originalmente personal stylists, mas ganharam destaque como blogueiras, também lançaram seu livro: “Vista Quem Você É“. Nele, dão dicas de como encontrar e aperfeiçoar seu próprio estilo, parece ser bem legal! Na mesma linha, tem o “Moda Intuitiva” da mineira Cris Guerra, um “não manual” com exercícios divertidos que prometem desenvolver sua relação com moda e consumo, tudo de maneira natural e intuitiva! Fiquei curiosa…

Pra finalizar esse post GIGA MASTER (espero que vocês tenham lido! kkk), tem o  “Blog Inc”que dá dicas de como transformar o seu blog em negócio, desde o registro do domínio até a captação de anunciantes. Parece bem bacana!

  • Gostaram meninas? Já leram alguns desses livros?!
Tags
Comente Aqui

Livros de blogueiras – da Internet para as prateleiras!

22 ago 2013
- Por Camila Coutinho
Comentários

livros-blogueiras1

Todo mundo que tem blog, seja como atividade full time ou apenas hobby, já ouviu essa pergunta em algum momento: Porque tu começou a “blogar” hein!? Pelo menos no meu caso, porque eu queria trocar idéia com minhas amigas sobre assuntos que a gente amava conversar, celebridades e moda. Comecei sem pretensão nenhuma, de maneira totalmente intuitiva. Mas quando se fala de algo que se gosta muito, a conversa flui, a busca por novidades vira um hábito e essa troca constante de informação nos faz virar meio”especialistas”! kkk

E qual seria o “próximo passo” do mundo dos blogs?! Além de prestar consultoria, estrelar campanhas, lançar linhas de produtos e, por ser referência em um determinado segmento, acabar virando “produto”, muitas blogueiras coroaram seu trabalho trazendo seus melhores posts para a vida real em livros muito bacanas! E não foram poucas viu? Reuni alguns destaques pra vocês, mas tenho certeza que tem mais um monte tão legais quanto…

Começando pelas meninas que falam de lifestyle, moda, beleza, culinária, decor…”Martha Stewartzinhas“, como costumo dizer! kkkk Emily Schuman do Cupcake & Cashmere mostra desde como montar um look legal, até dicas de como fazer uma festa e receber bem – receitinhas included, a moça é prendada.

Já a dupla do Beautiful Mess também aborda os mesmos assuntos, mas foca nos DIY e dicas práticas de fotografia: como capturar momentos lindos de casais, transforme suas fotos em objetos de decoração e até um guia pra tirar boas selfies (que são fotos de você mesma pra quem não sabe! hehe). Ainda nessa pegada, tem a Erica do PS – I Made This que A-HA-ZA nos “faça você mesma” com tutoriais muito simples e criativos.

Hillary Kerr e  Katherine Power, ex editoras da Elle e criadoras do site Who What Wear, já vão no segundo livro! O primeiro “Who What Wear, era um guia de estilo geral, mas esse “What to Wear Where” é mega prático e mostra o que usar em 50 situações específicas. De primeiro encontro a pool party! kkk Tudo com aquele layout lindo que virou marca registrada…

livros-de-blogueiras

Aqui no Brasil, a primeira a se aventurar nas livrarias foi Ale Garattoni e seu “It Girls” (tenho autografado, que chique!!!!), mas há pouco tempo as meninas do Oficina de Estilo, que são originalmente personal stylists, mas ganharam destaque como blogueiras, também lançaram seu livro: “Vista Quem Você É“. Nele, dão dicas de como encontrar e aperfeiçoar seu próprio estilo, parece ser bem legal! Na mesma linha, tem o “Moda Intuitiva” da mineira Cris Guerra, um “não manual” com exercícios divertidos que prometem desenvolver sua relação com moda e consumo, tudo de maneira natural e intuitiva! Fiquei curiosa…

Pra finalizar esse post GIGA MASTER (espero que vocês tenham lido! kkk), tem o  “Blog Inc”que dá dicas de como transformar o seu blog em negócio, desde o registro do domínio até a captação de anunciantes. Parece bem bacana!

  • Gostaram meninas? Já leram alguns desses livros?!
PERFIL
Camila Coutinho
MOST WANTED

Copyright © 2018 - garotasestupidas.com - Todos os direitos reservados
Designed and Created bt Condomínio Network
INSTAGRAM
Copyright © 2018 - garotasestupidas.com - Todos os direitos reservados | Designed and Created bt Condomínio Network