Escolha uma opção de navegação: Blog/ Site
Escolha sua navegação: Site / Blog
28 abr 2017 - Por Camila Coutinho
Comentários

Passados os dois finais de semana do Coachella 2017 e muitos cliques de celebs e street style depois chegamos nesse balanço de tendências do Coachella Fashion Week! kkk Brinks! Mas é que não dá pra negar que o festival de música virou também um grande evento de moda em si, sem falar no quanto que influencia a indústria fashion em geral, o ano inteiro!

Este ano – e tendo visto tudo de pertinho – achei bem que aquela coisa do “uniforme boho” deu uma caída, abrindo espaço pra outras ideias bem divertidas e mais “frescas”! Confira:

No Coachella os sutiãs viraram tops meeesmo! Algumas produções até eram mais pensadas, combinando a peça com saia de cintura alta, etc… Outras pareciam meio de improviso, tipo, tava calor, tirou a blusa e pronto. Seja como flor, sutiã foi a “brusinha” tendência do festival!

** TRANSPARÊNCIAS: evoluindo a ideia da “lingerie aparecida” os camisetões transparentes sobre sutiãs + hot pants também bombaram!! Parece até exposição demais, mas pensando bem é quase uma saída de praia, né gente? kkk Só que versão gótica suave – porque a maioria dos looks assim eram em preto!

A tendência que bombou nas passarelas também deu pinta no Coachella! Amo looks monocromáticos e essa presença deles no festival só comprovou como esse tipo de styling dá uma sofisticada na produção em qualquer situação mesmo! As cores favoritas para usar dos pés à cabeça? Branco (Camila Coelho arrasou!), rosa-claro e vermelho!

Festival pede conforto, então nada mais natural que a moda sporty chegasse “chegando” no Coachella. Não que em outras edições não tenhamos visto looks com jaquetas bomber e tênis, mas dessa vez foram muitas e muitas produções inteiramente com peças esportivas – tops e calças de agasalho da Nike e Adidas, por exemplo! Foi um refresh muito bem-vindo à moda do festival!

** HAILEY BALDWIN VIBES: esse estilo que a gente não sabe muito bem definir, mas sabe bem qual é – e quem é sua musa!rs Tem essa essa pegada street/urbana do jeans, meia arrastão, camisa xadrez, às vezes uma peça esportiva aqui ou ali ou a ideia de sair “pantless” (bye calças!) também! É um estilo cool com algum esforço, mas que dá bem certo!

O festival teve um bom toque psicodélico nessa edição, meio que um mix da ideia hippie com a clubber em tie-dyes de cores neon, mistura que atualiza essas duas propostas! Era o look da galera que queria produções mais divertidas sem cair apenas nos desenhos fofinhos, curti!

Em tese um vestido ou macacão de paetês poderia ser too much para o Coachella, mas com o clima de festa que o evento tem achei que super rolou! A chave para isso é a combinação com coturnos, penteados divertidos ou ainda peças como o chapéu de feltro (Mari Ximenes diva!), que dá o “equilíbrio boho” à produção! Shortinhos mesmo um biquíni com o brilho são outras boas opções também!

Dois acessórios que já estão bombando nas lojas fast fashion e no street style dividiram espaço no Coachella: as mini mochilas e pochetes! É realmente questão de gosto (e do que você precisa levar, claro) já que as duas são ótimas porque deixam as mãos livres e a gente pronta pra curtir tudo!

ps.: rolou até uma micro bag amarrada no cinto como uma mini-pochete! Criatividade fashion é o que não falta!

Yes, só deu ele! Eu confesso que estava meio em dúvida de usar, mas achei que super combinou com o clima do festival – desde looks em uma pegada mais 70’s a outros rocker! Comprei o meu na Forever 21 pra não ter que inve$tir muito em algo que talvez fique encostado depois, ainda não sei se dá pra adotar “pra vida”, mas acho legal ter essa opção mais divertida!

  • E é isso! Curtiram as tendências desse visual “festival 2017”?

Look festival atualizado: as tendências do Coachella 2017

28 abr 2017
- Por Camila Coutinho
Comentários

Passados os dois finais de semana do Coachella 2017 e muitos cliques de celebs e street style depois chegamos nesse balanço de tendências do Coachella Fashion Week! kkk Brinks! Mas é que não dá pra negar que o festival de música virou também um grande evento de moda em si, sem falar no quanto que influencia a indústria fashion em geral, o ano inteiro!

Este ano – e tendo visto tudo de pertinho – achei bem que aquela coisa do “uniforme boho” deu uma caída, abrindo espaço pra outras ideias bem divertidas e mais “frescas”! Confira:

No Coachella os sutiãs viraram tops meeesmo! Algumas produções até eram mais pensadas, combinando a peça com saia de cintura alta, etc… Outras pareciam meio de improviso, tipo, tava calor, tirou a blusa e pronto. Seja como flor, sutiã foi a “brusinha” tendência do festival!

** TRANSPARÊNCIAS: evoluindo a ideia da “lingerie aparecida” os camisetões transparentes sobre sutiãs + hot pants também bombaram!! Parece até exposição demais, mas pensando bem é quase uma saída de praia, né gente? kkk Só que versão gótica suave – porque a maioria dos looks assim eram em preto!

A tendência que bombou nas passarelas também deu pinta no Coachella! Amo looks monocromáticos e essa presença deles no festival só comprovou como esse tipo de styling dá uma sofisticada na produção em qualquer situação mesmo! As cores favoritas para usar dos pés à cabeça? Branco (Camila Coelho arrasou!), rosa-claro e vermelho!

Festival pede conforto, então nada mais natural que a moda sporty chegasse “chegando” no Coachella. Não que em outras edições não tenhamos visto looks com jaquetas bomber e tênis, mas dessa vez foram muitas e muitas produções inteiramente com peças esportivas – tops e calças de agasalho da Nike e Adidas, por exemplo! Foi um refresh muito bem-vindo à moda do festival!

** HAILEY BALDWIN VIBES: esse estilo que a gente não sabe muito bem definir, mas sabe bem qual é – e quem é sua musa!rs Tem essa essa pegada street/urbana do jeans, meia arrastão, camisa xadrez, às vezes uma peça esportiva aqui ou ali ou a ideia de sair “pantless” (bye calças!) também! É um estilo cool com algum esforço, mas que dá bem certo!

O festival teve um bom toque psicodélico nessa edição, meio que um mix da ideia hippie com a clubber em tie-dyes de cores neon, mistura que atualiza essas duas propostas! Era o look da galera que queria produções mais divertidas sem cair apenas nos desenhos fofinhos, curti!

Em tese um vestido ou macacão de paetês poderia ser too much para o Coachella, mas com o clima de festa que o evento tem achei que super rolou! A chave para isso é a combinação com coturnos, penteados divertidos ou ainda peças como o chapéu de feltro (Mari Ximenes diva!), que dá o “equilíbrio boho” à produção! Shortinhos mesmo um biquíni com o brilho são outras boas opções também!

Dois acessórios que já estão bombando nas lojas fast fashion e no street style dividiram espaço no Coachella: as mini mochilas e pochetes! É realmente questão de gosto (e do que você precisa levar, claro) já que as duas são ótimas porque deixam as mãos livres e a gente pronta pra curtir tudo!

ps.: rolou até uma micro bag amarrada no cinto como uma mini-pochete! Criatividade fashion é o que não falta!

Yes, só deu ele! Eu confesso que estava meio em dúvida de usar, mas achei que super combinou com o clima do festival – desde looks em uma pegada mais 70’s a outros rocker! Comprei o meu na Forever 21 pra não ter que inve$tir muito em algo que talvez fique encostado depois, ainda não sei se dá pra adotar “pra vida”, mas acho legal ter essa opção mais divertida!

  • E é isso! Curtiram as tendências desse visual “festival 2017”?
24 mar 2016 - Por Camila Coutinho
Comentários

abre-como-usar

No começo parecia modinha só do Instagram, uma celeb usava aqui e ali e então meio que de repente… pronto! O strappy bra, sutiã com recortes e alças feitas para ficarem à mostra, começou a aparecer em todo lugar e hoje provavelmente é o jeito mais popular de colocar a tendência “lingerie à mostra” em prática!

Confira então inspirações e dicas (de onde comprar, inclusive!) para incorporar a peça ao look de vários jeitos:

strappy-bra4

O strappy começou a fazer sucesso justamente como uma solução fashionista para as blusas com decotes diferentes nas costas e regatas cavadas! Afinal, se você é do time que não abre mão do sutiã, melhor que o que fique à mostra seja mesmo bonito, né?!

strappy-bra2

Com alcinhas finas formando desenhos geométricos, a peça ganha um ar moderninho em vez de “gafe fashion” que seria antes com um sutiã comum ali todo exposto… Continua valendo abusar dos decotes abertos sim! Aliás, e vocês vão ver isso ao longo do post, o styling mais bacana é combinar o strappy com blusas/vestidos larguinhos, assim foge de um look que fique over no quesito sexy!

strappy-bra1

Prefira deixar apenas as alcinhas/recortes expostas na frente (e não a peça toda), o resultado é bem mais cool! E ah! O strappy é uma peca difícil de ser usada no ambiente de trabalho, mas se o seu for mais informal, esse é o jeito mais bacana de incorporar (melhor se os dois forem da mesma cor)! Se trabalhar em um local com dress code mais sério, melhor deixar o sutiã com recortes só para os finais de semana mesmo…

strappybra3

Geralmente mais ligado a looks descontraídos, o strappy bra pode fazer (muito) bonito em combinações com camisas transparentes (all black, sem erro!) e até com vestidinhos deluxe – esse look acima não é super desejo pra uma balada? hehe

strappy-bra-famosas

Quer ver como as famosas usam o strappy bra? É só ficar de olho em festivais de música, onde Marina Ruy Barbosa, Mirella Santos, Monique Alfradique e Ticiane Pinheiro usaram! E elas estão certíssimas, já que a peça dá aquele toque rock sexy na medida ao look hein?

Grazi Massafera, por sua vez, mostra como usar num look básico-relax, enquanto Manu Gavassi e Demi Lovato apostam no item como um top, combinado com cintura alta – aqui vale dizer que às vezes há até modelos de biquínis que podem fazer as vezes de um belo strappy bra, viu? O que conta nessa hora são os recortes!

strappy-bra-shops

Se antes só tinham poucos (e caros) modelos, agora as lojas fast fashion também correram atrás e fizeram os seus, tem pra todos os gostos e bolsos! Aliás, aproveitando para responder uma dúvida que surgiu nos comentários: quem tem seios grandes pode apostar nos strappys mais estruturados (fugindo daqueles que são mais só a rendinha e o tule) ou também dar preferência para os que são mais trabalhados nas costas e mais tradicionais na frente para dar suporte aos seios!

  • Curtiram as dicas, meninas? Quem aí já é adepta do strappy conta nos comentários qual seu jeito favorito de usar!

Como usar: strappy bra

24 mar 2016
- Por Camila Coutinho
Comentários

abre-como-usar

No começo parecia modinha só do Instagram, uma celeb usava aqui e ali e então meio que de repente… pronto! O strappy bra, sutiã com recortes e alças feitas para ficarem à mostra, começou a aparecer em todo lugar e hoje provavelmente é o jeito mais popular de colocar a tendência “lingerie à mostra” em prática!

Confira então inspirações e dicas (de onde comprar, inclusive!) para incorporar a peça ao look de vários jeitos:

strappy-bra4

O strappy começou a fazer sucesso justamente como uma solução fashionista para as blusas com decotes diferentes nas costas e regatas cavadas! Afinal, se você é do time que não abre mão do sutiã, melhor que o que fique à mostra seja mesmo bonito, né?!

strappy-bra2

Com alcinhas finas formando desenhos geométricos, a peça ganha um ar moderninho em vez de “gafe fashion” que seria antes com um sutiã comum ali todo exposto… Continua valendo abusar dos decotes abertos sim! Aliás, e vocês vão ver isso ao longo do post, o styling mais bacana é combinar o strappy com blusas/vestidos larguinhos, assim foge de um look que fique over no quesito sexy!

strappy-bra1

Prefira deixar apenas as alcinhas/recortes expostas na frente (e não a peça toda), o resultado é bem mais cool! E ah! O strappy é uma peca difícil de ser usada no ambiente de trabalho, mas se o seu for mais informal, esse é o jeito mais bacana de incorporar (melhor se os dois forem da mesma cor)! Se trabalhar em um local com dress code mais sério, melhor deixar o sutiã com recortes só para os finais de semana mesmo…

strappybra3

Geralmente mais ligado a looks descontraídos, o strappy bra pode fazer (muito) bonito em combinações com camisas transparentes (all black, sem erro!) e até com vestidinhos deluxe – esse look acima não é super desejo pra uma balada? hehe

strappy-bra-famosas

Quer ver como as famosas usam o strappy bra? É só ficar de olho em festivais de música, onde Marina Ruy Barbosa, Mirella Santos, Monique Alfradique e Ticiane Pinheiro usaram! E elas estão certíssimas, já que a peça dá aquele toque rock sexy na medida ao look hein?

Grazi Massafera, por sua vez, mostra como usar num look básico-relax, enquanto Manu Gavassi e Demi Lovato apostam no item como um top, combinado com cintura alta – aqui vale dizer que às vezes há até modelos de biquínis que podem fazer as vezes de um belo strappy bra, viu? O que conta nessa hora são os recortes!

strappy-bra-shops

Se antes só tinham poucos (e caros) modelos, agora as lojas fast fashion também correram atrás e fizeram os seus, tem pra todos os gostos e bolsos! Aliás, aproveitando para responder uma dúvida que surgiu nos comentários: quem tem seios grandes pode apostar nos strappys mais estruturados (fugindo daqueles que são mais só a rendinha e o tule) ou também dar preferência para os que são mais trabalhados nas costas e mais tradicionais na frente para dar suporte aos seios!

  • Curtiram as dicas, meninas? Quem aí já é adepta do strappy conta nos comentários qual seu jeito favorito de usar!
PERFIL
Camila Coutinho
MOST WANTED

Copyright © 2017 - garotasestupidas.com - Todos os direitos reservados
Designed and Created bt Condomínio Network
INSTAGRAM
Copyright © 2017 - garotasestupidas.com - Todos os direitos reservados | Designed and Created bt Condomínio Network