Escolha uma opção de navegação: Blog/ Site
Escolha sua navegação: Site / Blog
28 dez 2016 - Por Camila Coutinho
Comentários

post_retrospectiva_01-27-2

O ano já está quaaase acabando, mas isso não pode acontecer sem a nossa tradicional Retrospectiva GE!!! Adoro olhar pra trás e pensar em tudo que deu o que falar na moda, beleza, mundo pop e tantas outras categorias (não esquecemos nunca dos bons barracos também! kkk). Quer saber? Acompanha aqui os destaques de 2016:

post_retrospectiva_02

[1] GAROTA DO ANO  sporty, minimalista ou fashionista: ninguém soube melhor como usar todas as tendências que pipocaram esse ano do que ela! Sem falar que Gigi sabe muito bem como ser sexy, mas sempre com looks que passam longe do over! É impressionante como ao mesmo tempo em que consegue usar produções altamente desejáveis (e até “copiáveis” com itens que já temos no guarda-roupa) a modelo de 21 anos também aparece com invencionices tipo a calça + saia jeans que à primeira vista são estranhíssimas, mas nela fazem todo o sentido, “ornam” mesmo! kkk Não foi à toa que 2016 trouxe inclusive uma coleção para a Tommy Hilfiger assinada por ela (a segunda edição da parceria já está a caminho), ela arrasa do street style ao red carpet! Na vida pessoal, segue firme e forte com Zayn Malik (prêmio casal mais estiloso pode ir pra eles também!) e seu squad que conta com Kendall Jenner e a irmã (também pop), Bella Hadid!

[2] UNHAS: DE GEL – o que antes era tão cercado de mitos em 2016 virou assunto comum na beleza! Eu mesma passei a usar (falei delas aqui) e amei! Já há algumas retrospectivas comento que aquela febre por uma cor específica de esmalte realmente parece coisa passado, e a força das unhas de gel este ano reforça essa ideia: mais vale ter as unhas bem cuidadas do que com o último esmalte Chanel! Se o jeito para consegui-las é a unha de gel, ótimo! Pelo menos ninguém mais fica refém de bases fortalecedoras milagrosas (que nem sempre funcionam) para isso!

[3] MAKE: PRODUTOS PARA SOBRANCELHA não foi em 2016 que começamos a prestar mais atenção nas sobrancelhas, mas este foi com certeza o ano em que elas viraram uma categoria definitiva de maquiagem! Marcas como quem disse, berenice? e Benefit (com direito a lançamento bafo em Las Vegas) colocaram no mercado linhas completíssima dedicadas apenas a esse “detalhe”: sombras, géis, lápis, canetas, primers, máscaras… há todas as texturas e efeitos possíveis, e agora que a gente já sabe a diferença que uma bela sobrancelha faz no visual com certeza o mundo da beleza não vai parar por aí!

[4] CABELO: AO NATURAL – nunca falou-se tanto em “beleza real” quanto agora. Depois de anos de chapinhas e progressivas mandando no mercado capilar os cachos (e produtos que os valorizam) estão agora mais em alta do que nunca – Juliana Paes, inclusive, super adotou os fios assim! Essa liberdade é maravilhosa, mas aqui fica um parênteses: acima de tudo a gente deve sentir bem, ponto. Se for deixando a escova de lado, maravilhoso! Se for fazendo sua progressiva, também – importante não cair em uma de achar que quem não usa o cabelo ao natural é “menos mulher” ou algo do tipo, senão a gente só está saindo de uma “ditadura” para cair em outra né?! 😉

[5] ACESSÓRIO: CHOKERS – ela começou a voltar lá dos anos 90 já em 2015, mas foi em 2016 que foi difícil achar alguém que não tenha se rendido à gargantilha! Muita gente – eu inclusive – deve ter torcido o nariz para a tendência, mas depois viu um look da Kendall Jenner aqui, outro da Rosie Huntignton-Whiteley ali, Rihanna apostando lá e aí… pronto! Virou febre e passou a ser um acessório que dá um toque cool ao look na hora, de produções mais descontraídas às de festa. Fazia tempo que não via um acessório com tanta força!

post_retrospectiva_03

[6] TENDÊNCIA: SPORTY – sou meio suspeita porque sempre amei looks com esse toque mais descontraído, mas em 2016 a verdade é que todo mundo passou a amar! hehe Tecidos tecnológicos e shapes que lembram uniformes apareceram das coleções da Dolce & Gabbana, Thierry Mugler e Chanel a looks de fashionistas como Victoria Beckham (que antes nunca era vista com peças mais relax!). Depois do sucesso do “conforto fashionista” que os tênis trouxeram, nada mais natural que isso pegasse pro look todo – e nisso uma produção que combina peças de alfaiataria a outras bem sporty, como a calça com as listras laterais, virou “a” fórmula do chic-comfy-cool!

[7] PIOR TREND: CORSET SOBRE A ROUPA – quem somos nós para dizer certo ou errado, né? Mas essa retrospectiva está aqui, então vamos lá! kkk Apesar de ter vindo com força na passarela da Prada foi com as Kardashian que o corset usado sobre as roupas se “popularizou”! Não é uma moda que a gente vê assim na rua, mas tem sido adotada por muitas celebs, então acho que é mais isso mesmo: coisa mais do showbiz (ou mesmo do street style das fashion weeks) e que não vale muito a pena de ser usada na “vida real”!

[8] SHOPMANIA: T-SHIRTS – parece bobeira colocar essa peça tão básica aqui, mas foi tão forte que quase nem preciso descrever: essa imagem da camiseta meio “podrinha”, rocker, com ar vintage está bem fresca na nossa cabeça depois de tantos looks fashionistas por aí (o street style em fashion weeks, o feed do nosso Insta e as lojas de departamento foram os maiores palcos delas, sem falar em grandes grifes como a Chanel)! É sem dúvida uma peça atemporal, que quanto mais velha realmente só fica mais cool!

[9] MARCA: GUCCI – a grife sempre foi uma das mais importantes do circuito, mas em 2016 cresceu muito no território mais disputado nos dias de hoje: o digital! Sob o comando de Alessandro Michele a marca ganhou uma nova cara: mais jovem e divertida (e isso justamente/ironicamente brincando com o universo nerd vintage!), distanciando-se cada vez mais daquela aura da mulher ultrassexy inatingível de Frida Giannini, um estilo que fez muito sucesso no passado, mas já não cabia mais. Com um hit atrás do outro (o loafer, o suéter de gatos), a Gucci conseguiu colocar uma estética que não é fácil no radar de lojas fast fashion e até mesmo de outras grandes grifes!

[10] SAPATOS – chame de brogue, oxford com plataforma, creeper… Fato é que você sabe, você viu: esse sapato aí esteve em todos os pés fashionistas este ano (comprove aqui!) e aos poucos foi ganhando também as lojas, é só dar uma volta no shopping pra ver que praticamente todas têm o seu modelo!

[11] IT BAGS – vai rolar uma divisão aqui porque em 2016 as Drew bags da Chloe e novas versões da Dionysus da Gucci bom-ba-ram!!! Enquanto uma faz a linha minimalista, a outra é exatamente o oposto, partindo já da logomania. Como as fashionistas resolveram isso? Uma de cada, por favor!

post_retrospectiva_04

[12] BORDÃO: OLHA ELAAAA – ele vem de Hugo Gloss como a gente das internets bem sabe, mas com o Big Brother Brasil e a doidinha da Ana Paula caiu na boca do povo no Brasil todo!

[13] SÉRIE: STRANGER THINGS – a trama ambientada nos anos 80, o elenco mirim talentosíssimo (e fofíssimo), Winona Ryder, a trilha sonora… são muitos os fatores que podem explicar o sucesso da série do Netflix, mas todos podem ser resumidos em.. paixão! E fulminante, porque foi dessas séries de assistir praticamente em uma tacada só! Se ainda não viu corre porque em 2017 a segunda temporada vem aí e pode apostar que vai virar “o” assunto na rodinha de novo! hehe

 

post_retrospectiva_05

[14] MÚSICA DO ANO: WORK, RIHANNA & DRAKE: só de ouvir mentalmente o “work, work, work, work, work” já dá vontade de dar aquela quebradinha né? kkk Além de ser ótima – mesmo tendo tocado tanto não enjoo – essa música ainda traz toda aquela conexão do casal/não casal RiRi e Drake!

menções honrosas: Sorry, do Justin Bieber, foi lançada no final de 2015 mas foi nesse ano que conquistou todo mundo – até o Kanye West, que se jogou no show dele feito Belieber! kkk E teve ainda mais um sucesso da RiRi, This Is What You Came For, com o Calvin Harris! Além de botar a gente pra dançar a música ainda fez parte ainda de todo o babado do término do DJ com a Taylor Swift (ela teria “vazado” que quem escreveu o hit foi ela, e não Calvin, que ficou p da vida).

[15] BAFOS DO ANO: não faltou treta em 2016! kkk Depois de terem selado a paz (Kanye interrompeu o discurso da Tay no VMA 2009 , dizendo que ela não merecia o prêmio) os dois voltaram a se estranhar: ele liberou a música Famous, em que diz que foi quem a tornou famosa, entre outras afirmações misóginas; Tay ficou ofendida, ele disse que chegou a ligar pra ela antes para falar sobre isso e que ela tinha dito que estava tudo ok, ela negou, Kim disse no KUWTK que ela estava se fazendo de sonsa e depois resolveu ~ expor ela ~ ao publicar um vídeo com a tal conversa! No meio disso tudo, Taylor ainda terminou o namoro com o Calvin Harris e começou a namorar o Tom Hiddleston, e aí veio a já citada treta com a música This Is What You Came For – “se você está feliz no seu novo relacionamento, deveria focar nele em vez de tentar colocar seu ex pra baixo”, Calvin chegou a tuitar. Enfim.. a gente contou mais detalhes disso tudo aqui!

separações: sim, vivemos pra ver Fatima Bernardes e William Bonner se separarem após 26 anos de casamento! O anúncio foi feito via Twitter e chocou o Brasil – discretos, os jornalistas disseram que continuam amigos e não comentaram os boatos de que haveria uma terceira pessoa envolvida. Outro casal ícone, Angelina Jolie e Brad Pitt, se separaram após 12 anos juntos, mas aqui o babado foi forte, já que saíram notícias de que Brad estaria envolvido com drogas e álcool e que isso estaria o tornando violento, inclusive com os filhos!

[16] BOFE DO ANO: CAUÃ REYMOND – é só Cauã aparecer pra todo mundo suspirar! Além de bonito e gente boa ele ainda é um ator que se mostra cada vez mais talentoso – foi difícil não chorar junto quando Maurício perdeu o amor de sua vida em Justiça! Em 2016 ele assumiu o namoro com Mariana Goldfarb (o primeiro após o término com a Grazi), e a gente só pensa: que sorte a dela, hein? kkk

post_retrospectiva_06

[17] MOMENTO INESQUECÍVEL: OLIMPÍADAS NO BRASIL – que emoção, que alegria, quantos acontecimentos emocionantes vivemos com a realização da Olimpíada do Rio hein?! Foram muitos memes, torcidas tensas (em casa ou nas arenas) e, claro, conquistas incríveis de nossos atletas, como o ouro da Rafaela Silva no judô, as três medalhas do Isaquias Queiroz na canoagem e o inesperado primeiro lugar de Thiago Braz no salto com vara! Quando acabou deu aquela tristezinha (tipo na Copa), mas ficaram todos esses momentos inesquecíveis e muito mais (relembre na retrô especial das Olimpíadas)!

[18] MICO DO ANO: A LOROTA DO RYAN LOCHTE – também aconteceu na Olimpíada, mas foi algo que personificou justamente o que não é o espírito olímpico! Para encobrir uma balada com muita bebedeira o nadador americano e seus amigos inventaram uma história que envolvia roubo, armas e policiais corruptos. Não demorou muito para a investigação achar contradições nos acontecimentos e descobrir que toda a confusão foi causada é por eles. Ficou feio até mesmo nos EUA e Ryan acabou suspenso das competições oficiais por 10 meses, além de perder vários contratos publicitários. Shame on you!

post_retrospectiva_01

[19] APP: INSTAGRAM – por essa ninguém esperava! Quando estava todo mundo se rendendo ao Snap veio Mark Zuckerberg e vraaaau ..deu aquele copy + paste e bagunçou toda essa história! O Insta passou a ter seu próprio “Snap”, e embora o Stories ainda não tenha os ótimos recursos do Snap (inclusive pensando nos conteúdos produzidos especialmente para a plataforma) ele trouxe possibilidades como marcar o “@“ dos amiguinhos e até o compartilhamento de links em alguns perfis, sem falar que o Insta ainda é onde “todo mundo está”, então lá você é de fato visto por mais gente. Não sei se será o fim do Snap – torço muuuito que não – mas já fico ansiosa pra ver as viradas que esse mundo tech ainda tem pra dar!

[20] COMIDA: MATCHA – usar o chá como aliado da boa forma não é nenhuma novidade, mas em 2016 esse cara aqui revolucionou o que a gente já achava que sabia sobre essa categoria! O matcha é feito com as folhas mais novas e tenras do chá verde, que são trituradas até virar pó. Com isso, se tornou um ingrediente muito versátil, que pode virar macaroons, sorvete, cookie… Por ser mais concentrado, seu consumo aumenta (em cerca de 25%!) a queima de calorias durante os exercícios físicos, sem falar em sua enorme quantidade de antioxidantes! Em NY (de onde é o ChaChaMatcha, craque em todas essas experimentações), já é o “novo suco verde”!

[21] TOP DESTINATION: CUBA – 2016 foi um ano de marcos para o país, e isso já sem nem considerar o plano político ou a morte de Fidel Castro no final de novembro. A Chanel levou seu desfile (e muitos fashionistas) para seu desfile resort na ilha, que então despontou para o mundo fashion em editorias e inspirações para coleções e os Rolling Stones realizaram seu primeiro show por lá; de Havana às praias, o país entrou no roteiro de muita gente que está em busca da mistura irresistível de história, belas paisagens e esse clima tão colorfull que o país oferece!

That’s a wrap!

CONFIRA AS RETROSPECTIVAS DOS OUTROS ANOS: 201520142013 | 2012 | 2011 | 2009

  • Contem aqui nos comentários o que acharam!! Lembrando que essa é uma visão pessoal, então quero saber o que/ quem também entra na retrô de vocês!

Retrospectiva GE 2016: os bafos, os barracos, as modas e tudo mais que bombou este ano!

28 dez 2016
- Por Camila Coutinho
Comentários

post_retrospectiva_01-27-2

O ano já está quaaase acabando, mas isso não pode acontecer sem a nossa tradicional Retrospectiva GE!!! Adoro olhar pra trás e pensar em tudo que deu o que falar na moda, beleza, mundo pop e tantas outras categorias (não esquecemos nunca dos bons barracos também! kkk). Quer saber? Acompanha aqui os destaques de 2016:

post_retrospectiva_02

[1] GAROTA DO ANO  sporty, minimalista ou fashionista: ninguém soube melhor como usar todas as tendências que pipocaram esse ano do que ela! Sem falar que Gigi sabe muito bem como ser sexy, mas sempre com looks que passam longe do over! É impressionante como ao mesmo tempo em que consegue usar produções altamente desejáveis (e até “copiáveis” com itens que já temos no guarda-roupa) a modelo de 21 anos também aparece com invencionices tipo a calça + saia jeans que à primeira vista são estranhíssimas, mas nela fazem todo o sentido, “ornam” mesmo! kkk Não foi à toa que 2016 trouxe inclusive uma coleção para a Tommy Hilfiger assinada por ela (a segunda edição da parceria já está a caminho), ela arrasa do street style ao red carpet! Na vida pessoal, segue firme e forte com Zayn Malik (prêmio casal mais estiloso pode ir pra eles também!) e seu squad que conta com Kendall Jenner e a irmã (também pop), Bella Hadid!

[2] UNHAS: DE GEL – o que antes era tão cercado de mitos em 2016 virou assunto comum na beleza! Eu mesma passei a usar (falei delas aqui) e amei! Já há algumas retrospectivas comento que aquela febre por uma cor específica de esmalte realmente parece coisa passado, e a força das unhas de gel este ano reforça essa ideia: mais vale ter as unhas bem cuidadas do que com o último esmalte Chanel! Se o jeito para consegui-las é a unha de gel, ótimo! Pelo menos ninguém mais fica refém de bases fortalecedoras milagrosas (que nem sempre funcionam) para isso!

[3] MAKE: PRODUTOS PARA SOBRANCELHA não foi em 2016 que começamos a prestar mais atenção nas sobrancelhas, mas este foi com certeza o ano em que elas viraram uma categoria definitiva de maquiagem! Marcas como quem disse, berenice? e Benefit (com direito a lançamento bafo em Las Vegas) colocaram no mercado linhas completíssima dedicadas apenas a esse “detalhe”: sombras, géis, lápis, canetas, primers, máscaras… há todas as texturas e efeitos possíveis, e agora que a gente já sabe a diferença que uma bela sobrancelha faz no visual com certeza o mundo da beleza não vai parar por aí!

[4] CABELO: AO NATURAL – nunca falou-se tanto em “beleza real” quanto agora. Depois de anos de chapinhas e progressivas mandando no mercado capilar os cachos (e produtos que os valorizam) estão agora mais em alta do que nunca – Juliana Paes, inclusive, super adotou os fios assim! Essa liberdade é maravilhosa, mas aqui fica um parênteses: acima de tudo a gente deve sentir bem, ponto. Se for deixando a escova de lado, maravilhoso! Se for fazendo sua progressiva, também – importante não cair em uma de achar que quem não usa o cabelo ao natural é “menos mulher” ou algo do tipo, senão a gente só está saindo de uma “ditadura” para cair em outra né?! 😉

[5] ACESSÓRIO: CHOKERS – ela começou a voltar lá dos anos 90 já em 2015, mas foi em 2016 que foi difícil achar alguém que não tenha se rendido à gargantilha! Muita gente – eu inclusive – deve ter torcido o nariz para a tendência, mas depois viu um look da Kendall Jenner aqui, outro da Rosie Huntignton-Whiteley ali, Rihanna apostando lá e aí… pronto! Virou febre e passou a ser um acessório que dá um toque cool ao look na hora, de produções mais descontraídas às de festa. Fazia tempo que não via um acessório com tanta força!

post_retrospectiva_03

[6] TENDÊNCIA: SPORTY – sou meio suspeita porque sempre amei looks com esse toque mais descontraído, mas em 2016 a verdade é que todo mundo passou a amar! hehe Tecidos tecnológicos e shapes que lembram uniformes apareceram das coleções da Dolce & Gabbana, Thierry Mugler e Chanel a looks de fashionistas como Victoria Beckham (que antes nunca era vista com peças mais relax!). Depois do sucesso do “conforto fashionista” que os tênis trouxeram, nada mais natural que isso pegasse pro look todo – e nisso uma produção que combina peças de alfaiataria a outras bem sporty, como a calça com as listras laterais, virou “a” fórmula do chic-comfy-cool!

[7] PIOR TREND: CORSET SOBRE A ROUPA – quem somos nós para dizer certo ou errado, né? Mas essa retrospectiva está aqui, então vamos lá! kkk Apesar de ter vindo com força na passarela da Prada foi com as Kardashian que o corset usado sobre as roupas se “popularizou”! Não é uma moda que a gente vê assim na rua, mas tem sido adotada por muitas celebs, então acho que é mais isso mesmo: coisa mais do showbiz (ou mesmo do street style das fashion weeks) e que não vale muito a pena de ser usada na “vida real”!

[8] SHOPMANIA: T-SHIRTS – parece bobeira colocar essa peça tão básica aqui, mas foi tão forte que quase nem preciso descrever: essa imagem da camiseta meio “podrinha”, rocker, com ar vintage está bem fresca na nossa cabeça depois de tantos looks fashionistas por aí (o street style em fashion weeks, o feed do nosso Insta e as lojas de departamento foram os maiores palcos delas, sem falar em grandes grifes como a Chanel)! É sem dúvida uma peça atemporal, que quanto mais velha realmente só fica mais cool!

[9] MARCA: GUCCI – a grife sempre foi uma das mais importantes do circuito, mas em 2016 cresceu muito no território mais disputado nos dias de hoje: o digital! Sob o comando de Alessandro Michele a marca ganhou uma nova cara: mais jovem e divertida (e isso justamente/ironicamente brincando com o universo nerd vintage!), distanciando-se cada vez mais daquela aura da mulher ultrassexy inatingível de Frida Giannini, um estilo que fez muito sucesso no passado, mas já não cabia mais. Com um hit atrás do outro (o loafer, o suéter de gatos), a Gucci conseguiu colocar uma estética que não é fácil no radar de lojas fast fashion e até mesmo de outras grandes grifes!

[10] SAPATOS – chame de brogue, oxford com plataforma, creeper… Fato é que você sabe, você viu: esse sapato aí esteve em todos os pés fashionistas este ano (comprove aqui!) e aos poucos foi ganhando também as lojas, é só dar uma volta no shopping pra ver que praticamente todas têm o seu modelo!

[11] IT BAGS – vai rolar uma divisão aqui porque em 2016 as Drew bags da Chloe e novas versões da Dionysus da Gucci bom-ba-ram!!! Enquanto uma faz a linha minimalista, a outra é exatamente o oposto, partindo já da logomania. Como as fashionistas resolveram isso? Uma de cada, por favor!

post_retrospectiva_04

[12] BORDÃO: OLHA ELAAAA – ele vem de Hugo Gloss como a gente das internets bem sabe, mas com o Big Brother Brasil e a doidinha da Ana Paula caiu na boca do povo no Brasil todo!

[13] SÉRIE: STRANGER THINGS – a trama ambientada nos anos 80, o elenco mirim talentosíssimo (e fofíssimo), Winona Ryder, a trilha sonora… são muitos os fatores que podem explicar o sucesso da série do Netflix, mas todos podem ser resumidos em.. paixão! E fulminante, porque foi dessas séries de assistir praticamente em uma tacada só! Se ainda não viu corre porque em 2017 a segunda temporada vem aí e pode apostar que vai virar “o” assunto na rodinha de novo! hehe

 

post_retrospectiva_05

[14] MÚSICA DO ANO: WORK, RIHANNA & DRAKE: só de ouvir mentalmente o “work, work, work, work, work” já dá vontade de dar aquela quebradinha né? kkk Além de ser ótima – mesmo tendo tocado tanto não enjoo – essa música ainda traz toda aquela conexão do casal/não casal RiRi e Drake!

menções honrosas: Sorry, do Justin Bieber, foi lançada no final de 2015 mas foi nesse ano que conquistou todo mundo – até o Kanye West, que se jogou no show dele feito Belieber! kkk E teve ainda mais um sucesso da RiRi, This Is What You Came For, com o Calvin Harris! Além de botar a gente pra dançar a música ainda fez parte ainda de todo o babado do término do DJ com a Taylor Swift (ela teria “vazado” que quem escreveu o hit foi ela, e não Calvin, que ficou p da vida).

[15] BAFOS DO ANO: não faltou treta em 2016! kkk Depois de terem selado a paz (Kanye interrompeu o discurso da Tay no VMA 2009 , dizendo que ela não merecia o prêmio) os dois voltaram a se estranhar: ele liberou a música Famous, em que diz que foi quem a tornou famosa, entre outras afirmações misóginas; Tay ficou ofendida, ele disse que chegou a ligar pra ela antes para falar sobre isso e que ela tinha dito que estava tudo ok, ela negou, Kim disse no KUWTK que ela estava se fazendo de sonsa e depois resolveu ~ expor ela ~ ao publicar um vídeo com a tal conversa! No meio disso tudo, Taylor ainda terminou o namoro com o Calvin Harris e começou a namorar o Tom Hiddleston, e aí veio a já citada treta com a música This Is What You Came For – “se você está feliz no seu novo relacionamento, deveria focar nele em vez de tentar colocar seu ex pra baixo”, Calvin chegou a tuitar. Enfim.. a gente contou mais detalhes disso tudo aqui!

separações: sim, vivemos pra ver Fatima Bernardes e William Bonner se separarem após 26 anos de casamento! O anúncio foi feito via Twitter e chocou o Brasil – discretos, os jornalistas disseram que continuam amigos e não comentaram os boatos de que haveria uma terceira pessoa envolvida. Outro casal ícone, Angelina Jolie e Brad Pitt, se separaram após 12 anos juntos, mas aqui o babado foi forte, já que saíram notícias de que Brad estaria envolvido com drogas e álcool e que isso estaria o tornando violento, inclusive com os filhos!

[16] BOFE DO ANO: CAUÃ REYMOND – é só Cauã aparecer pra todo mundo suspirar! Além de bonito e gente boa ele ainda é um ator que se mostra cada vez mais talentoso – foi difícil não chorar junto quando Maurício perdeu o amor de sua vida em Justiça! Em 2016 ele assumiu o namoro com Mariana Goldfarb (o primeiro após o término com a Grazi), e a gente só pensa: que sorte a dela, hein? kkk

post_retrospectiva_06

[17] MOMENTO INESQUECÍVEL: OLIMPÍADAS NO BRASIL – que emoção, que alegria, quantos acontecimentos emocionantes vivemos com a realização da Olimpíada do Rio hein?! Foram muitos memes, torcidas tensas (em casa ou nas arenas) e, claro, conquistas incríveis de nossos atletas, como o ouro da Rafaela Silva no judô, as três medalhas do Isaquias Queiroz na canoagem e o inesperado primeiro lugar de Thiago Braz no salto com vara! Quando acabou deu aquela tristezinha (tipo na Copa), mas ficaram todos esses momentos inesquecíveis e muito mais (relembre na retrô especial das Olimpíadas)!

[18] MICO DO ANO: A LOROTA DO RYAN LOCHTE – também aconteceu na Olimpíada, mas foi algo que personificou justamente o que não é o espírito olímpico! Para encobrir uma balada com muita bebedeira o nadador americano e seus amigos inventaram uma história que envolvia roubo, armas e policiais corruptos. Não demorou muito para a investigação achar contradições nos acontecimentos e descobrir que toda a confusão foi causada é por eles. Ficou feio até mesmo nos EUA e Ryan acabou suspenso das competições oficiais por 10 meses, além de perder vários contratos publicitários. Shame on you!

post_retrospectiva_01

[19] APP: INSTAGRAM – por essa ninguém esperava! Quando estava todo mundo se rendendo ao Snap veio Mark Zuckerberg e vraaaau ..deu aquele copy + paste e bagunçou toda essa história! O Insta passou a ter seu próprio “Snap”, e embora o Stories ainda não tenha os ótimos recursos do Snap (inclusive pensando nos conteúdos produzidos especialmente para a plataforma) ele trouxe possibilidades como marcar o “@“ dos amiguinhos e até o compartilhamento de links em alguns perfis, sem falar que o Insta ainda é onde “todo mundo está”, então lá você é de fato visto por mais gente. Não sei se será o fim do Snap – torço muuuito que não – mas já fico ansiosa pra ver as viradas que esse mundo tech ainda tem pra dar!

[20] COMIDA: MATCHA – usar o chá como aliado da boa forma não é nenhuma novidade, mas em 2016 esse cara aqui revolucionou o que a gente já achava que sabia sobre essa categoria! O matcha é feito com as folhas mais novas e tenras do chá verde, que são trituradas até virar pó. Com isso, se tornou um ingrediente muito versátil, que pode virar macaroons, sorvete, cookie… Por ser mais concentrado, seu consumo aumenta (em cerca de 25%!) a queima de calorias durante os exercícios físicos, sem falar em sua enorme quantidade de antioxidantes! Em NY (de onde é o ChaChaMatcha, craque em todas essas experimentações), já é o “novo suco verde”!

[21] TOP DESTINATION: CUBA – 2016 foi um ano de marcos para o país, e isso já sem nem considerar o plano político ou a morte de Fidel Castro no final de novembro. A Chanel levou seu desfile (e muitos fashionistas) para seu desfile resort na ilha, que então despontou para o mundo fashion em editorias e inspirações para coleções e os Rolling Stones realizaram seu primeiro show por lá; de Havana às praias, o país entrou no roteiro de muita gente que está em busca da mistura irresistível de história, belas paisagens e esse clima tão colorfull que o país oferece!

That’s a wrap!

CONFIRA AS RETROSPECTIVAS DOS OUTROS ANOS: 201520142013 | 2012 | 2011 | 2009

  • Contem aqui nos comentários o que acharam!! Lembrando que essa é uma visão pessoal, então quero saber o que/ quem também entra na retrô de vocês!
25 ago 2016 - Por Camila Coutinho
Comentários
abre-instagram-dicas
Foto: @inhonorofdesign

Se você, como eu, não passa um minuto dia sem checar o Instagram, já deve ter percebido que os perfis “com cara de Pinterest” estão se multiplicando, né? kkk Ter um feed bonitinho e coerente virou de fato uma tendência na rede, mais do que fazer essa ou aquela pose ou usar alguma hashtag específica.

Já contei diversas vezes (como nesse vídeo aqui) que sempre tive esse “toc” com a organização do meu, do tipo: não postar selfies seguidas, não colocar foto com coisa amarela perto de outra que também tenha essa cor, e por aí vai… É, eu sei! kkk Mas é que sempre gostei de pensar no design aliado ao conteúdo e então vejo o Insta dessa forma também!

Então já que agora isso virou uma febre geral e deixou de ser só uma “neura” minha resolvi compartilhar aqui algumas diquinhas para ter o feed dos sonhos! Bora?

JCrew-Store-Regent-St-London-@MonicaBeatrice-on-Instragram-The-Elgin-Avenue-Blog

1. USE APPS PARALELOS PARA SE PLANEJAR

Tem muita coisa que só quando publicamos vemos que não ornou, ou que aquele corte teria ficado bom se fosse um pouquinho mais pra esquerda…Você pode já prever isso usando apps alternativos: há tanto os que são feitos justamente para auxiliar o Insta quanto os que têm seu próprio grid organizados de forma parecida.

unum-edição-instagram

Por muito tempo usei o VSCO Cam para isso, mas veio uma atualização que (propositalmente?) diferenciou bem do grid do Insta, e não curti. Me recomendaram então o Unum, e aí foi amor: você faz login, ele já importa seu feed do Insta e aí deixa os quadradinhos acima livres para que possa visualizar como vão ficar com as fotos que pretende postar! Dá pra ir mudando de posição facilmente, além de editar com filtros, luz, etc, e poder já deixar a legenda prontinha. É gratuito, mas por enquanto só tem para iPhone!

** Dica da leitora: a Aline indicou aqui nos comentários o Plann: Instagram como uma boa opção para Android (R$ 33)!

planoly-edição-instagram

Outra opção nessa linha é o Planoly: além de visualizar como vai ficar o feed com as publicações programadas ele funciona também como um espécie de analytics: faz um relatório com suas fotos mais curtidas, comentadas, média de likes do perfil, e por aí vai… E tudo isso pode ser visualizado no computador também. O ponto negativo? Depois de um teste de 15 dias ele passa a ser pago, o plano mínimo é de 7 dólares mensais. Se você pensa em usar o Insta para uma marca (ou transformá-lo em seu branding pessoal) o investimento deve valer a pena! Bom lembrar também que recentemente o próprio Instagram liberou sua Business Tools, que traz essa análise de dados para perfis empresariais.

  • Quem não tem iOS e quer uma “solução 0800” pode criar um perfil alternativo privado no próprio Insta, que só você visualize mesmo! Agora que dá pra alternar contas na maior facilidade acaba sendo uma boa opção!

Seja como for, pra usar qualquer uma dessas soluções você vai precisar de disciplina para passar por esse passo antes!

2. ACHE O SEU PADRÃO

edicao-instagram

Repare em qual filtro costuma usar e aposte sempre nele ou em pequenas variações de luz e contraste. Sempre suspira quando vê fotos claras, com muito branco ou tons pastel? Adote isso para o seu também! Quem entrar no seu perfil vai notar esse cuidado com a harmonia das fotos, pode apostar!

Para chegar nisso, use aplicativos de edição de foto, como o Facetune (mais dicas sobre ele aqui) e até o VSCO – no Insta @filters.vsco eles dão até as “fórmulas” de edição:

vsco-cam-filters

3. SAIBA VARIAR DENTRO DO SEU PADRÃO

Ok, parece contraditório com o tópico acima!rs Mas tão importante quanto adotar uma “linha editorial” é saber tirar o feed da rotina sem sair dessa estética – ninguém, nem a gente, aguenta ver só as mesmas fotos, a não ser, claro, que esse seja seu objetivo (um insta só de comida, por exemplo)

instagram-camila-coutinho

Tento sempre alternar selfies, looks, fotos de paisagens, comida, detalhes… Dentro disso, gosto de sempre postar as comidas “vistas de cima”, as paisagens valorizando o azul do céu, e por aí vai… 4 ou 5 fotos são uma boa distância entre fotos “iguais”. Claro que isso não é algo rígido, e tem vezes, como em alguma viagem, em que acaba acontecendo de postar algumas mais parecidas. Mas ok, ninguém vai pirar com isso também, né? Aí a unidade estética de luz e filtros entra em jogo pra segurar a harmonia!

Importante também prestar atenção no que aparece no fundo das fotos (quanto mais “limpo”, melhor) e usar a criatividade: minha pia de mármore já foi o cenário perfeito para várias fotos em close! kkk

** DICAS EXTRAS:

Não faz ideia de por onde começar a escolher o “seu” filtro, iluminação, etc? Esse estudo de 2015 da Yahoo Labs and Georgia Tech que analisou quase 8 milhões de posts pode te dar uma luz:

fotos com filtros têm 21% mais likes e 45% mais comentários

– os filtros que mais têm mais engajamento são os que aumentam o calor, exposição e contraste; já os que aumentam a saturação das fotos ou dão aquele efeito retrô diminuem o engajamento.

filtros-instagram

– resumindo, filtros que são ímãs de likes: Mayfair, Rise, Valencia, Hefe, e Nashville; filtros que são #fail: Amaro, Hudson e Walden

** CURIOSIDADES: 

– os usuários listaram as top 3 razões pelas quais seguem marcas no Instagram: 62% porque a amam, 54% para descobrir coisas novas, 48%, porque acham o conteúdo interessante ou engraçado

– o pico de interações no Instagram é entre 20 e 21h; mas vale sempre observar o comportamento do seu público!

– essa necessidade de cuidar do feed já virou até tema de livro, que a blogger Aimee Song vai lançar em setembro: “Capture Your Style: Transform Your Instagram Images, Showcase Your Life and Build the Ultimate Platform”

aimee-song-livro

É só pensar em você mesma como usuária: quantas vezes não começou a seguir alguma marca ou pessoa só porque achou o feed dela bonito? Pensando ainda em moda, mais do que nunca o Instagram pode ser o grande salto para o sucesso de uma marca; não é à toa que há um ano Eva Chen, ex-editora da revista Lucky e street style star, assumiu o cargo de “head of fashion” no Instagram!

  • Curtiram as dicas? Compartilhem mais experiências sobre o Insta aqui nos comentários!

Como deixar seu feed no Instagram lindo (e + dicas para bombar na rede)

25 ago 2016
- Por Camila Coutinho
Comentários
abre-instagram-dicas
Foto: @inhonorofdesign

Se você, como eu, não passa um minuto dia sem checar o Instagram, já deve ter percebido que os perfis “com cara de Pinterest” estão se multiplicando, né? kkk Ter um feed bonitinho e coerente virou de fato uma tendência na rede, mais do que fazer essa ou aquela pose ou usar alguma hashtag específica.

Já contei diversas vezes (como nesse vídeo aqui) que sempre tive esse “toc” com a organização do meu, do tipo: não postar selfies seguidas, não colocar foto com coisa amarela perto de outra que também tenha essa cor, e por aí vai… É, eu sei! kkk Mas é que sempre gostei de pensar no design aliado ao conteúdo e então vejo o Insta dessa forma também!

Então já que agora isso virou uma febre geral e deixou de ser só uma “neura” minha resolvi compartilhar aqui algumas diquinhas para ter o feed dos sonhos! Bora?

JCrew-Store-Regent-St-London-@MonicaBeatrice-on-Instragram-The-Elgin-Avenue-Blog

1. USE APPS PARALELOS PARA SE PLANEJAR

Tem muita coisa que só quando publicamos vemos que não ornou, ou que aquele corte teria ficado bom se fosse um pouquinho mais pra esquerda…Você pode já prever isso usando apps alternativos: há tanto os que são feitos justamente para auxiliar o Insta quanto os que têm seu próprio grid organizados de forma parecida.

unum-edição-instagram

Por muito tempo usei o VSCO Cam para isso, mas veio uma atualização que (propositalmente?) diferenciou bem do grid do Insta, e não curti. Me recomendaram então o Unum, e aí foi amor: você faz login, ele já importa seu feed do Insta e aí deixa os quadradinhos acima livres para que possa visualizar como vão ficar com as fotos que pretende postar! Dá pra ir mudando de posição facilmente, além de editar com filtros, luz, etc, e poder já deixar a legenda prontinha. É gratuito, mas por enquanto só tem para iPhone!

** Dica da leitora: a Aline indicou aqui nos comentários o Plann: Instagram como uma boa opção para Android (R$ 33)!

planoly-edição-instagram

Outra opção nessa linha é o Planoly: além de visualizar como vai ficar o feed com as publicações programadas ele funciona também como um espécie de analytics: faz um relatório com suas fotos mais curtidas, comentadas, média de likes do perfil, e por aí vai… E tudo isso pode ser visualizado no computador também. O ponto negativo? Depois de um teste de 15 dias ele passa a ser pago, o plano mínimo é de 7 dólares mensais. Se você pensa em usar o Insta para uma marca (ou transformá-lo em seu branding pessoal) o investimento deve valer a pena! Bom lembrar também que recentemente o próprio Instagram liberou sua Business Tools, que traz essa análise de dados para perfis empresariais.

  • Quem não tem iOS e quer uma “solução 0800” pode criar um perfil alternativo privado no próprio Insta, que só você visualize mesmo! Agora que dá pra alternar contas na maior facilidade acaba sendo uma boa opção!

Seja como for, pra usar qualquer uma dessas soluções você vai precisar de disciplina para passar por esse passo antes!

2. ACHE O SEU PADRÃO

edicao-instagram

Repare em qual filtro costuma usar e aposte sempre nele ou em pequenas variações de luz e contraste. Sempre suspira quando vê fotos claras, com muito branco ou tons pastel? Adote isso para o seu também! Quem entrar no seu perfil vai notar esse cuidado com a harmonia das fotos, pode apostar!

Para chegar nisso, use aplicativos de edição de foto, como o Facetune (mais dicas sobre ele aqui) e até o VSCO – no Insta @filters.vsco eles dão até as “fórmulas” de edição:

vsco-cam-filters

3. SAIBA VARIAR DENTRO DO SEU PADRÃO

Ok, parece contraditório com o tópico acima!rs Mas tão importante quanto adotar uma “linha editorial” é saber tirar o feed da rotina sem sair dessa estética – ninguém, nem a gente, aguenta ver só as mesmas fotos, a não ser, claro, que esse seja seu objetivo (um insta só de comida, por exemplo)

instagram-camila-coutinho

Tento sempre alternar selfies, looks, fotos de paisagens, comida, detalhes… Dentro disso, gosto de sempre postar as comidas “vistas de cima”, as paisagens valorizando o azul do céu, e por aí vai… 4 ou 5 fotos são uma boa distância entre fotos “iguais”. Claro que isso não é algo rígido, e tem vezes, como em alguma viagem, em que acaba acontecendo de postar algumas mais parecidas. Mas ok, ninguém vai pirar com isso também, né? Aí a unidade estética de luz e filtros entra em jogo pra segurar a harmonia!

Importante também prestar atenção no que aparece no fundo das fotos (quanto mais “limpo”, melhor) e usar a criatividade: minha pia de mármore já foi o cenário perfeito para várias fotos em close! kkk

** DICAS EXTRAS:

Não faz ideia de por onde começar a escolher o “seu” filtro, iluminação, etc? Esse estudo de 2015 da Yahoo Labs and Georgia Tech que analisou quase 8 milhões de posts pode te dar uma luz:

fotos com filtros têm 21% mais likes e 45% mais comentários

– os filtros que mais têm mais engajamento são os que aumentam o calor, exposição e contraste; já os que aumentam a saturação das fotos ou dão aquele efeito retrô diminuem o engajamento.

filtros-instagram

– resumindo, filtros que são ímãs de likes: Mayfair, Rise, Valencia, Hefe, e Nashville; filtros que são #fail: Amaro, Hudson e Walden

** CURIOSIDADES: 

– os usuários listaram as top 3 razões pelas quais seguem marcas no Instagram: 62% porque a amam, 54% para descobrir coisas novas, 48%, porque acham o conteúdo interessante ou engraçado

– o pico de interações no Instagram é entre 20 e 21h; mas vale sempre observar o comportamento do seu público!

– essa necessidade de cuidar do feed já virou até tema de livro, que a blogger Aimee Song vai lançar em setembro: “Capture Your Style: Transform Your Instagram Images, Showcase Your Life and Build the Ultimate Platform”

aimee-song-livro

É só pensar em você mesma como usuária: quantas vezes não começou a seguir alguma marca ou pessoa só porque achou o feed dela bonito? Pensando ainda em moda, mais do que nunca o Instagram pode ser o grande salto para o sucesso de uma marca; não é à toa que há um ano Eva Chen, ex-editora da revista Lucky e street style star, assumiu o cargo de “head of fashion” no Instagram!

  • Curtiram as dicas? Compartilhem mais experiências sobre o Insta aqui nos comentários!
PERFIL
Camila Coutinho



Copyright © 2017 - garotasestupidas.com - Todos os direitos reservados
Designed and Created bt Condomínio Network
INSTAGRAM
Copyright © 2017 - garotasestupidas.com - Todos os direitos reservados | Designed and Created bt Condomínio Network