Escolha uma opção de navegação: Blog/ Site
Escolha sua navegação: Site / Blog
24 mar 2017 - Por Camila Coutinho
Comentários

Foram 31 desfiles ao longo de uma semana intensa que você acompanhou por aqui e no nosso Insta! E é claro que depois de tudo isso não podia faltar nosso balanço esperto de tendências, né?

Se por um lado há críticos de que o esquema “veja agora, compre agora” tornou as coleções mais comerciais, por outro isso faz justamente com que a moda se aproxime de seu público – é o mesmo princípio que, na área da comunicação, por exemplo, levou ao boom dos blogs por proporcionar uma conexão mais íntima do que as revistas e grandes publicações.

O SPFW passa por transformações e apostar nesse lado comercial pode justamente ser a resposta para qual é seu papel no mundo da moda – assim como a NYFW é tida como uma fashion week mais “vendável” e a de Milão e Paris são vistas como mais conceituais, por exemplo.

Seja como for, fato é que temos ótimas ideias para colocar em prática já! Confira:

1. VELUDO: de carona no revival dos anos 80 ele se confirma como a maior tendência dessa temporada – estava no topo do nosso balanço do NYFW também! O legal é que ao aparecer nas mais diversas versões – molhado, devorê, cotelê – ele também possibilita os mais variados looks, de produções de festa como vimos na Apartamento 03 a outras produções mais casuais, como na Ratier e Lilly Sarti, ou às vezes até mesmo essas duas coisas ao mesmo tempo, como no conjunto sporty da Pat Bo!

2. SPORTY: a moda esportiva evoluiu e apareceu não só nas inspirações em si (universo motocross para Juliana Jabour, o hip hop para Pat Bo, o boxe na À La Garçonne), mas também colocou shapes como os moletons em praticamente todos os desfiles! Tecidos com brilhos e contrastes com peças mais leves deixam a ideia mais moderna e pronta pra festa! Destaque ainda para a jaqueta bomber – já uma peça clássica das passarelas – que também se encaixa na proposta de uma moda que não é pautada pelo gênero: não foi raro a gente desejar as jaquetinhas desfiladas pelos meninos!

3. MANGAS VOLUMOSAS: a tendência mais dramática desse SPFW é dessas pra quem não tem medo de “chegar chegando”! Vale apostar na camisa moderninha, no vestido de perfume retrô, na blusa vitoriana…

4. SOBREPOSIÇÕES: da série “tendências que não custam nada”, porque basta ativar o senso fashion para combinar e descombinar peças! Se no NYFW o foco dessa ideia foi com as camisas, por aqui ela aparece com moletons sob vestidos, casacos + casacos e, a ideia mais bacana, com malhas sob vestidos mais fluidos, ótima aposta para deixar looks de festa mais fresh!

5. MEIAS: elas estão de volta (quem lembra da febre que foram as meias-calças no auge do reinado de Blair Waldorf? kkk)! Valem todos os comprimentos e acabamentos, com destaque para os modelos finos de poás – um toque fofo em looks rocker – e a 7/8 meio “college girl”: essa meia da Ellus 2nd Floor fez um sucesso só depois do desfile, todas as modelos usando nos dias seguintes pela Bienal!

Fotos: Jefferson Souza e Divulgação/Agência Fotosite

6. ALFAIATARIA AMPLA: sinônimo de elegância, as peças de alfaiataria agora também estão em dia com o conforto em modelagens bem soltinhas, o que só adiciona aquele “fator cool” ao look! Vale combinar com camisas (e dar um toque rock ao look com o cinto, como na Ellus) ou usar coletes sozinhos, sem nada por baixo, como na Giuliana Romanno e Ellus também.

7. UM OMBRO SÓ: mais uma ideia com aquele “quê” de anos 80 – e muito feminina e charmosinha, diga-se de passagem! Os vestidos de um ombro só foram o modelo de festa que mais bombou, vale apostar!

  • E é isso! Curtiram as top tendências dessa temporada? Veja todos os posts sobre o SPFW aqui e aqui!

7 tendências do SPFW pra ficar de olho!

24 mar 2017
- Por Camila Coutinho
Comentários

Foram 31 desfiles ao longo de uma semana intensa que você acompanhou por aqui e no nosso Insta! E é claro que depois de tudo isso não podia faltar nosso balanço esperto de tendências, né?

Se por um lado há críticos de que o esquema “veja agora, compre agora” tornou as coleções mais comerciais, por outro isso faz justamente com que a moda se aproxime de seu público – é o mesmo princípio que, na área da comunicação, por exemplo, levou ao boom dos blogs por proporcionar uma conexão mais íntima do que as revistas e grandes publicações.

O SPFW passa por transformações e apostar nesse lado comercial pode justamente ser a resposta para qual é seu papel no mundo da moda – assim como a NYFW é tida como uma fashion week mais “vendável” e a de Milão e Paris são vistas como mais conceituais, por exemplo.

Seja como for, fato é que temos ótimas ideias para colocar em prática já! Confira:

1. VELUDO: de carona no revival dos anos 80 ele se confirma como a maior tendência dessa temporada – estava no topo do nosso balanço do NYFW também! O legal é que ao aparecer nas mais diversas versões – molhado, devorê, cotelê – ele também possibilita os mais variados looks, de produções de festa como vimos na Apartamento 03 a outras produções mais casuais, como na Ratier e Lilly Sarti, ou às vezes até mesmo essas duas coisas ao mesmo tempo, como no conjunto sporty da Pat Bo!

2. SPORTY: a moda esportiva evoluiu e apareceu não só nas inspirações em si (universo motocross para Juliana Jabour, o hip hop para Pat Bo, o boxe na À La Garçonne), mas também colocou shapes como os moletons em praticamente todos os desfiles! Tecidos com brilhos e contrastes com peças mais leves deixam a ideia mais moderna e pronta pra festa! Destaque ainda para a jaqueta bomber – já uma peça clássica das passarelas – que também se encaixa na proposta de uma moda que não é pautada pelo gênero: não foi raro a gente desejar as jaquetinhas desfiladas pelos meninos!

3. MANGAS VOLUMOSAS: a tendência mais dramática desse SPFW é dessas pra quem não tem medo de “chegar chegando”! Vale apostar na camisa moderninha, no vestido de perfume retrô, na blusa vitoriana…

4. SOBREPOSIÇÕES: da série “tendências que não custam nada”, porque basta ativar o senso fashion para combinar e descombinar peças! Se no NYFW o foco dessa ideia foi com as camisas, por aqui ela aparece com moletons sob vestidos, casacos + casacos e, a ideia mais bacana, com malhas sob vestidos mais fluidos, ótima aposta para deixar looks de festa mais fresh!

5. MEIAS: elas estão de volta (quem lembra da febre que foram as meias-calças no auge do reinado de Blair Waldorf? kkk)! Valem todos os comprimentos e acabamentos, com destaque para os modelos finos de poás – um toque fofo em looks rocker – e a 7/8 meio “college girl”: essa meia da Ellus 2nd Floor fez um sucesso só depois do desfile, todas as modelos usando nos dias seguintes pela Bienal!

Fotos: Jefferson Souza e Divulgação/Agência Fotosite

6. ALFAIATARIA AMPLA: sinônimo de elegância, as peças de alfaiataria agora também estão em dia com o conforto em modelagens bem soltinhas, o que só adiciona aquele “fator cool” ao look! Vale combinar com camisas (e dar um toque rock ao look com o cinto, como na Ellus) ou usar coletes sozinhos, sem nada por baixo, como na Giuliana Romanno e Ellus também.

7. UM OMBRO SÓ: mais uma ideia com aquele “quê” de anos 80 – e muito feminina e charmosinha, diga-se de passagem! Os vestidos de um ombro só foram o modelo de festa que mais bombou, vale apostar!

  • E é isso! Curtiram as top tendências dessa temporada? Veja todos os posts sobre o SPFW aqui e aqui!
22 mar 2017 - Por Andressa Fernandes
Comentários

Escolher a cor de batom que mais combina com o tom de pele da modelo, fazer um penteado que respeite a textura dos fios dela… parecia algo impossível de se pensar em uma semana de moda, né?

Mas esse último SPFW veio para comprovar que a maior tendência de beleza do momento é justamente não ter padrão! Nunca vimos tantas maquiagens e cabelos diferentes pensados para um mesmo desfile: só na TIG Rodrigo Costa criou nada menos que ONZE looks, de Robert Stevão para a GIG foram cinco; para a Pat Bo Henrique Martins pensou em ao menos sete visuais diversos, enquanto na UMA Vanessa Rozan escolhia o tom de vermelho que ficava melhor para cada menina.

As várias belezas do desfile da GIG

“Podem ter milhões de motivos, mas eu acredito que está acontecendo agora por esse movimento super forte de valorização da individualidade, aquilo de não apenas reproduzir o make sem pensar, todo mundo com a mesma cara… Você adapta o look para que cada modelo conte uma história, mas que seja a história mais adequada para o seu formato de olho, tipo de pele, etc.”, comenta Jake Falchi, National Make Up Artist da M.A.C. aqui no Brasil.

Do lado técnico, é claro que ter tantas variações de looks dá um trabalhinho extra em uma situação já não tão fácil (várias modelos para maquiar, algumas que chegam de outro desfile em cima da hora, aquela correria de backstage…), mas Jake garante que vale a pena!

“A gente super se diverte! Mas pode dar umas confusões sim!rs Teve um desfile dessa semana em que estava escrito errado, aí na hora em que a gente estava terminando um delineadorzão perfeito, que demorou muito pra ser feito, a gente descobriu que na verdade era sem nada! Aí a modelo já estava na fila preparada para entrar na passarela e a gente lá, apagando aquilo! Mas eu gosto dessa variedade, acho muito mais divertido, faz muito mais sentido, mais real!”, disse.

A beleza da UMA: um vermelho (ou nada) para cada tom de pele

Mas pera: então quer dizer que a gente não consegue mais dizer o que é ou não tendência na maquiagem? Vale tudo? Bom, vale, claro!! Mas ainda assim dá pra identificar tipos de looks que mais bombaram ao longo da semana – afinal, com vários makes a cada desfile as ideias só se multiplicaram, né? Aí é só pensar nisso que já foi colocado em prática nos backstages: escolha o que mais combina com você! 

Confira aqui o TOP 5 com as ideias de make favoritas dessa temporada e inspire-se!

1. BOCA LAQUEADA

Foi sucesso! Os lábios com esse acabamento glossy surgiram tanto em tons como o pink e roxo, uma pegada mais pop, quanto nesse clima mais dark com o preto e vinho. Na TIG rolou até uma combinação com glitterRodrigo Costa aplicou o batom líquido matte, depois gloss, grudou o glitter e finalizou com mais gloss por cima (aplique com um pincel, fica mais fácil!).

Foram usados nessas belezas: batons Aqua Rouge, da Make Up For Ever e combinação Retro Matte Liquid (esse da foto é a cor Recollection) + Lipglass, ambos da M.A.C.

2. CANTINHO ILUMINADO

Um dos passos mais básicos de make, iluminar o cantinho interno do olho teve destaque nas belezas desse SPFW! Se quiser um look minimalista para uma festa, por exemplo, é uma boa pedida! Se quiser variar um pouco a ideia a sombra colorida ou traçado branco podem entrar em cena, é uma aposta moderninha que também funciona para iluminar a região!

3. ROCKER MOOD

 

O gatinho power com efeito glossy, o esfumado preto rente aos cílios inferiores e a sombra vinho surgem como apostas para um make na pegada rocker – funciona super bem em contraste com uma roupa romântica!

Os looks da Ellus também têm um “quê” rocker, não? Mas com o glitter e o delineador gráfico ganham um tom mais pop!

4. PINK BABY

Teve “beleza natural” sim, e nelas os tons de rosa – às vezes um pouco mais vibrantes, às vezes mais “queimados” -reinaram! Vale usar nos lábios e nos olhos, ao mesmo tempo inclusive!

5. BOCHECHAS ROSADAS

Outro destaque dos desfiles que apostaram em uma “beleza natural” foi o blush – se ele já é seu item indispensável no nécessaire você bem sabe como ele faz toda a diferença no look!

Nos backstages dessa temporada ouvimos falar bastante de “sobreposição de blushes”, combinação de um tom mais escuro com outro mais vibrante por cima. “Isso cria uma profundidade que deixa o look mais natural”, comentou Amanda Schon, que assinou o look da Osklen com uma combinação dos blushes Seduction e Exhibit A da Nars.


FOTOS: Jefferson Souza – Divulgação – Reprodução/FFW

Seguindo essa ideia de deixar o blush em destaque, mas com o máximo de naturalidade, outra dica é apostar em produtos diferentes! Helder Rodrigues, por exemplo, usou um balm da Natura aplicado com os dedos nas bochechas para o desfile da Cotton Project!

  • Curtiram as ideias de beleza desse SPFW?

A tendência de make desse SPFW? Esqueça a beleza padronizada!

22 mar 2017
- Por Andressa Fernandes
Comentários

Escolher a cor de batom que mais combina com o tom de pele da modelo, fazer um penteado que respeite a textura dos fios dela… parecia algo impossível de se pensar em uma semana de moda, né?

Mas esse último SPFW veio para comprovar que a maior tendência de beleza do momento é justamente não ter padrão! Nunca vimos tantas maquiagens e cabelos diferentes pensados para um mesmo desfile: só na TIG Rodrigo Costa criou nada menos que ONZE looks, de Robert Stevão para a GIG foram cinco; para a Pat Bo Henrique Martins pensou em ao menos sete visuais diversos, enquanto na UMA Vanessa Rozan escolhia o tom de vermelho que ficava melhor para cada menina.

As várias belezas do desfile da GIG

“Podem ter milhões de motivos, mas eu acredito que está acontecendo agora por esse movimento super forte de valorização da individualidade, aquilo de não apenas reproduzir o make sem pensar, todo mundo com a mesma cara… Você adapta o look para que cada modelo conte uma história, mas que seja a história mais adequada para o seu formato de olho, tipo de pele, etc.”, comenta Jake Falchi, National Make Up Artist da M.A.C. aqui no Brasil.

Do lado técnico, é claro que ter tantas variações de looks dá um trabalhinho extra em uma situação já não tão fácil (várias modelos para maquiar, algumas que chegam de outro desfile em cima da hora, aquela correria de backstage…), mas Jake garante que vale a pena!

“A gente super se diverte! Mas pode dar umas confusões sim!rs Teve um desfile dessa semana em que estava escrito errado, aí na hora em que a gente estava terminando um delineadorzão perfeito, que demorou muito pra ser feito, a gente descobriu que na verdade era sem nada! Aí a modelo já estava na fila preparada para entrar na passarela e a gente lá, apagando aquilo! Mas eu gosto dessa variedade, acho muito mais divertido, faz muito mais sentido, mais real!”, disse.

A beleza da UMA: um vermelho (ou nada) para cada tom de pele

Mas pera: então quer dizer que a gente não consegue mais dizer o que é ou não tendência na maquiagem? Vale tudo? Bom, vale, claro!! Mas ainda assim dá pra identificar tipos de looks que mais bombaram ao longo da semana – afinal, com vários makes a cada desfile as ideias só se multiplicaram, né? Aí é só pensar nisso que já foi colocado em prática nos backstages: escolha o que mais combina com você! 

Confira aqui o TOP 5 com as ideias de make favoritas dessa temporada e inspire-se!

1. BOCA LAQUEADA

Foi sucesso! Os lábios com esse acabamento glossy surgiram tanto em tons como o pink e roxo, uma pegada mais pop, quanto nesse clima mais dark com o preto e vinho. Na TIG rolou até uma combinação com glitterRodrigo Costa aplicou o batom líquido matte, depois gloss, grudou o glitter e finalizou com mais gloss por cima (aplique com um pincel, fica mais fácil!).

Foram usados nessas belezas: batons Aqua Rouge, da Make Up For Ever e combinação Retro Matte Liquid (esse da foto é a cor Recollection) + Lipglass, ambos da M.A.C.

2. CANTINHO ILUMINADO

Um dos passos mais básicos de make, iluminar o cantinho interno do olho teve destaque nas belezas desse SPFW! Se quiser um look minimalista para uma festa, por exemplo, é uma boa pedida! Se quiser variar um pouco a ideia a sombra colorida ou traçado branco podem entrar em cena, é uma aposta moderninha que também funciona para iluminar a região!

3. ROCKER MOOD

 

O gatinho power com efeito glossy, o esfumado preto rente aos cílios inferiores e a sombra vinho surgem como apostas para um make na pegada rocker – funciona super bem em contraste com uma roupa romântica!

Os looks da Ellus também têm um “quê” rocker, não? Mas com o glitter e o delineador gráfico ganham um tom mais pop!

4. PINK BABY

Teve “beleza natural” sim, e nelas os tons de rosa – às vezes um pouco mais vibrantes, às vezes mais “queimados” -reinaram! Vale usar nos lábios e nos olhos, ao mesmo tempo inclusive!

5. BOCHECHAS ROSADAS

Outro destaque dos desfiles que apostaram em uma “beleza natural” foi o blush – se ele já é seu item indispensável no nécessaire você bem sabe como ele faz toda a diferença no look!

Nos backstages dessa temporada ouvimos falar bastante de “sobreposição de blushes”, combinação de um tom mais escuro com outro mais vibrante por cima. “Isso cria uma profundidade que deixa o look mais natural”, comentou Amanda Schon, que assinou o look da Osklen com uma combinação dos blushes Seduction e Exhibit A da Nars.


FOTOS: Jefferson Souza – Divulgação – Reprodução/FFW

Seguindo essa ideia de deixar o blush em destaque, mas com o máximo de naturalidade, outra dica é apostar em produtos diferentes! Helder Rodrigues, por exemplo, usou um balm da Natura aplicado com os dedos nas bochechas para o desfile da Cotton Project!

  • Curtiram as ideias de beleza desse SPFW?
PERFIL
Camila Coutinho


TV GE
15
mar
VLOG: TOMMY HILFIGER EM L.A.! Fergie, Gigi Hadid, Julia Faria e mais!
PHOTOBOARD GE
#look-do-dia

Copyright © 2017 - garotasestupidas.com - Todos os direitos reservados
Designed and Created bt Condomínio Network
INSTAGRAM
Copyright © 2017 - garotasestupidas.com - Todos os direitos reservados | Designed and Created bt Condomínio Network