k
OPS... USE SEU CELULAR NA VERTICAL PARA UMA MELHOR NAVEGAÇÃO
FECHAR x
Você está lendo:
Diário #meuprimeiroSPFW!
m
MENU
s
BUSCA
GOSTOU?
COMPARTILHAR
VER COMENTÁRIOS / COMENTAR
m
MENU

Diário #meuprimeiroSPFW!

27/04/18 Fashion Week | Por Camila Coutinho

Leitor das antigas do GE, criador do @camilacoutinhope, Vinicius Lasserre foi nosso repórter especial nessa temporada! Na #meuprimeiroSPFW ele compartilha suas impressões; acompanhe também no @garotasestupidas

*

Lá estava eu numa sexta-feira no meu trabalho já planejando meu fim de semana quando recebi uma ligação: era Camila Coutinho dizendo com essas palavras: “preciso de alguém pra ajudar no conteúdo do SPFW e a gente só pensou em você”!

Eu fiquei pra morrer, disse sim de cara e perguntei quando começava. “Amanhã, mas você pode chegar na segunda”, ela disse, aí fiquei pra morrer de novo! kkk Lembrei então que o nome é São Paulo Fashion WEEK e liguei correndo pro meu chefe. Contei o que aconteceu e fui bem sincero: “olha, você decide o que vai fazer, mas tá fora de cogitação não ir”. Todo mundo que está a minha volta sabe que sempre fui fã do blog, da Camila e de moda, então ele só disse “vá simbora!” Kkkk #valeuchefe!

Agora depois dessa semana louca e maravilhosa vou contar aqui mais detalhes dessa minha experiência!

OS DESFILES

Desfile é tudo que a gente imagina só que de formas diferentes, vou tentar explicar! kkk Fila A, por exemplo, é sim sinônimo de status dentro do mundo da moda, mas existe algo acima: os famosos que chegam em cima da hora. As celebridades mais importantes têm até o poder de atrasar o desfile, as marcas seguram o início até que cheguem! E descobri que além da fila A, B, C, D existe o ‘sitting’: é uma parte atrás da última fileira em que o pessoal que consegue convite de última hora (ou que acaba sendo liberado ali na porta pela assessoria) fica em pé para assistir!

Pra mim a melhor coleção foi a da Juliana Jabour, tô viciado nas estampas meio videogame dos anos 90, e a escolha das cores com o tecido foi muito boa. O que mais me surpreendeu foi o João Pimenta feminino, quando soube que ele estava estreando fazendo coleção pra mulher admirei demais porque a riqueza de detalhes, os recortes e costuras ficaram perfeitos nos corpos… parecia que ele já fazia há anos.

BACKSTAGE

O backstage é uma loucura completa, você tem que LUTAR por uma foto! Depois de fazer amizade com algumas assessoras na entrada dos camarins percebi que tudo é educação. Ela quer lhe liberar e você quer ir, mas tem algo que impede, seja um ensaio, uma troca de roupa, uma sala lotada. É só ter paciência e depois ser honesto: quando acabar o que precisa fazer, é só sair e agradecer.

Minhas melhores experiências com backstage foram nos últimos dias, quando já conheciam meu rosto e aí as próprias assessoras já me chamavam com uma modelo toda pronta (cabelo, make e roupa do desfile vestida) para fotografarmos. Isso é ótimo porque aí conseguimos postar antes mesmo do desfile começar, é um ótimo furo!


Meus looks no SPFW! Falei mais sobre minhas impressões sobre o street style aqui!

MOMENTO PERRENGUE

Logo descobri que SPFW não é SPFW sem uns perrenguezinhos! kkk Tipo quando você quer ir no banheiro mas não pode porque sabe que um artista legal de entrevistar está para chegar, quando você tá com fome, mas tem um desfile atrás do outro (aí fica a dica do catering, os buffets que ficam montados nos backstages kkkk), quando você precisa de um post de beleza incrível pra fechar o feed no Insta mas só tem “pele natural sem intervenção”, quando chegamos na porta do desfile e dizem “não vai mais ninguém pro backstage” ou então “não tem convite”, mas o pior de tudo é: o desfile nem começou, o celular tá em 2%, o powerbank já acabou e tem duas famosas incríveis do outro lado da passarela pra você tentar entrevistar quando acabar. Mas o que vai diferenciar um veículo do outro nessa cobertura é justamente passar por cima disso e dar um jeito de fechar a matéria!

MOMENTO GAFE

Eu passei por um Ó T I M O! Logo no segundo dia estávamos em um desfile externo (fora do espaço que concentra a maioria das apresentações lá no Parque do Ibiraquera), aí o maquiador era o Henrique Martins, maravilhoso, porém gravei TODOS os Stories falando Markito (outro maquiador incrível)! Quando descobri a gafe apenas fiquei esperando do fundo do meu coração que ele não tivesse me ouvido gravando! kkk Sorte que não publiquei na hora e aí deu pra cortar isso do vídeo e não perder o material, ufa!

Depois dessa fiquei esperto: antes de entrar no backstage já perguntava quem estava assinando a beleza, aí mesmo que eu não fizesse ideia da cara da pessoa (normal, ninguém é obrigado a saber) já dava aquele google básico (torcendo pro 4G ajudar! kkk). Fica a dica!

CURIOSIDADES – perguntas que me fizeram muito pelo Instagram

As modelos são muito magras mesmo? Menos magras do que eu imaginava, mas mais do que a maioria das pessoas sim (pra que gente) kkk. Me surpreendeu ver que elas se alimentam muito bem, estavam sempre ali pelo catering, ou então com suas marmitas (mostrei uma ótima lá no Stories, tinha até um pepino inteiro, com casca! haha).

O evento é mesmo muito exclusivo? Para entrar no SPFW você tem que ter 1) convite para algum desfile ou outro evento que vá acontecer lá dentro ou 2) credencial (nesta edição em forma de pulseiras) que te identifique como alguém que está trabalhando lá (imprensa, backstage, manutenção…). Não adianta, os seguranças na porta não liberam a entrada sem checar.

Uma vez lá dentro como imprensa é tranquilo de circular pela maioria dos espaços. Eu achei que teria mais burocracia para passar de um setor pro outro, mas não é bem assim. Muitas vezes ficamos liberados pra fazer arara (a parte do backstage em que ficam as roupas do desfile), mas beleza não, ou vice-versa. Mas como rolava o medo de sair e não poder entrar nunca mais fazíamos o que tinham aberto pra gente, esperávamos quietinhos num canto até o outro lado ficar mais calmo e então escorregávamos para a sala “não autorizada” A cara de pau é importante aqui, senão às vezes a matéria não fecha, mas, claro, sem perder a educação e a noção! kkk

As pessoas da moda são mesmo esnobes? O evento é uma caixinha de surpresas, em geral as pessoas não são esnobes, mas claro que tem algumas exceções. Alguns famosos me surpreenderam, pessoas que parecem super simpáticas nas redes sociais, mas pessoalmente foram desnecessárias (deixo em aberto pra vocês pensarem kkk). Também tem aquele pessoal que nem olha pra você, mas quando fica sabendo de qual veículo você é abre logo um sorrisão. O evento é muito diverso, muita gente simpática e educada, que com certeza são a maioria, ainda bem!

TIETANDO (E SENDO TIETADO!)

Acima de tudo eu estava trabalhando, então mesmo quando via algum famoso que admiro sabia que precisava “fingir costume” e fazer a pauta antes de qualquer coisa. Mas aí depois disso não perdia a chance de dar uma tietada, né? kkk Dudu Bertholini, Maria Eugenia Suconic, as meninas do Rouge, Iza Celina Locks foram incríveis, atenderam todo mundo com um sorriso no rosto, super simpáticos!

E ainda sobre esse tema preciso falar de outro momento “MORRI” desses dias… ser reconhecido por lá! Muito louco andar pelos corredores e ter uma pessoa olhando pra você fixo com um sorriso, aí ela chega e fala “eu tô AMANDO A COBERTURA”, eu fico como? Kkk Todo sem graça né! Mais estranho foi quando tava eu e a FUCKING IZA, um do lado do outro, e um rapaz veio tirar foto COMIGO. Quando ele falou achei que queria q eu tirasse a foto dele com a IZA kkkk

Fotos do post: Jefferson Souza e Ingrid Alves | e a montagem eu que fiz gente, no GE todo mundo participa de todos os jeitos! kkk

RESUMINDO…

No primeiro dia cheguei, trabalhei, ninguém nem soube. Camila chegou no fim do dia e aí fizemos o anúncio pelos 4 cantos, no Instagram dela, do GE, no meu, pelo Stories, no feed… Veio o BOOM! Logo de cara meu perfil cresceu 10x! Sim, creia. Hoje já está um pouco menos, mas sabia que seria mais ou menos assim, normal. Achei legal ver que fui fidelizando uma parte do público, que eles foram se acostumando com os trejeitos e gostando, e aí resolveram me seguir, tanto que ganhei muito mais seguidores no dia da despedida!

E falando em público, aliás, Camila sempre disse isso e realmente, o público do GE é diferenciado! É todo mundo muito educado, comentam com muita atenção, evitam todo tipo de briga, quando aparece algo assim é alguém muito perdido. Vocês não poderiam ter sido melhores comigo, claro que minha família deu aquela fortalecida nos comentários (valeu mãe!), mas tinha muita gente torcendo pra dar tudo certo, pra ser um sucesso e até pra eu entrar na equipe fixa do GE kkkk

Em resumo, o São Paulo Fashion Week é realmente uma loucura completa, cheio de gente, muita coisa pra fazer, muitas problemáticas pra resolver, mas chegou o último dia e eu só queria mais! Eu tive a oportunidade de começar nesse mundo com um veículo grande, com um nome de peso que vai agregar na minha vida experiência, network, currículo, tudo isso em uma semana só.

Tudo foi muito além das minhas expetativas, ter acesso livre a uma coisa que você sempre amou acompanhar, em um time que você sempre admirou e ainda ter o público nas redes sociais amando o conteúdo, não tem como superar isso!

Valeu demais, gente!
@viniciuslasserre

QUEM ESCREVE
Camila Coutinho
| Team GE
Fundadora do @garotasestupidas, @iconoclastsbr e autora do #ESTUPIDAEU
COMPARTILHAR
GOSTOU?
COMENTÁRIOS
ESCOLHA SUA PLATAFORMA DE COMENTÁRIOS FAVORITA
>
PRÓXIMA HISTÓRIA
<
HISTÓRIA ANTERIOR
j
Voltar ao Topo