Escolha uma opção de navegação: Blog/ Site
Escolha sua navegação: Site / Blog
16 jul 2018 - Por Camila Coutinho
Comentários

Paris é um lugar para viver sem agonia… e como tem muita coisa para ver é muito difícil que logo na primeira vez você consiga dar um check em tudo mesmo! Nessa minha última ida para conferir o desfile de Jean Paul Gaultier na Alta Costura a agenda estava mais tranquila, mas eu tinha apenas um dia inteiro livre para realmente turistar na cidade! Juntei isso com o fato de saber que tem muita gente que acaba passando rapidamente por lá por conta de alguma conexão e então nasceu a ideia para esse roteiro com dicas do que fazer em 24 horas em Paris!

As opções são infinitas, mas se você se concentrar em aproveitar bem o que escolher já terá um bom panorama. A verdade é que além da foto na torre o maior legado da cidade é justamente o jeito francês de curtir um bom vinho sentado na varanda do restaurante ou um sorvetinho no Tuileries de boas. Quando ando pelas ruas em Paris a sensação é de que a França vive um eterno sábado, delícia! Vai por mim, mesmo com pouco tempo com esse roteiro aqui vai dar pra ter esse gostinho também:

PRIMEIRA PARADA: O MUSEU

Comece o dia no Cafe Marly, que fica em frente ao Louvre e já tem uma visitinha show!

Dali você já pode emendar na visita ao Louvre, mas baixe o aplicativo do museu para comprar o ingresso online e evitar filas – lembre-se, você só tem 24 horas! Importante: o museu é ENORME, então desencane de passar por todas as alas. O acervo tem mais de 380 mil itens exibidos em salas que somam mais de 72 mil metros quadrados – cálculos estimam que seria necessário caminhar pelo menos 4,8 quilômetros dentro do museu ao longo de 100 dias para conhecer tudo, ou seja, não vai rolar MESMO! kkk

Minha dica é: foque na Mona Lisa e aproveite para ver rapidamente o que mais cruzar seu caminho até ela! Você provavelmente vai levar um tempinho para se aproximar da obra de Leonardo da Vinci porque é sempre a região mais disputada do museu, mas é muito legal ver algo tão icônico assim de pertinho!

SEGUNDA PARADA: “O” SORVETE

Do Louvre vá a pé até o Jardim Tuileries para tomar o imbatível (me atrevo a dizer obrigatório!) sorvete da Amorino! Amo o de manga (parece que você está tomando a fruta gelada, surreal!) e de avelã, vale a fila demais! Se estiver calor já pega logo o grande senão depois você vai se arrepender, viu? kkk

TERCEIRA PARADA: A TORRE

Hora da Torre Eiffel entrar no roteiro – mas esqueça a ideia de subir: muita fila, demora, você vai usar melhor seu tempo (e conseguir cliques melhores) se for direto para a praça do Trocadero. Tire umas fotos rapidão por lá e se estiver empolgada pra bombar o Insta vale a pena caçar os “secret spots” das blogueiras! PERA, O QUE CAMILA, COMO? Siiim! kkkk Há vários cantinhos da cidade em que é possível fazer fotos lindas com um ângulo menos óbvio e a “Eiffel” bombando de fundo!

Fui atrás desses lugares no Google e foi assim que saiu essa foto aqui:

É a esquina da Avenue de la Bourdonnais com a Rue de l’Université, cenário perfeito para pegar a Torre emoldurada pelos prédios antigos, AMO!

  • mais alguns spots do tipo para ficar de olho:

Avenue de Camoens 75116 – fica a uma curta caminhada do Trocadero, você sobe um lance de escadas e tem a chance de encontrar um cenário lindo desses até vazio! É a mesma pegada da “minha esquina” hehe

Champs de Mars – além da foto tipo “pic nic em Paris”, é legal também buscar um ângulo que pegue os postes de luz, as árvores, os banquinhos… eles dão um clima vintage super charmoso ao clique!

Pont Alexandre III – aqui a torre não é a protagonista do clique, mas compõe lindamente com o rio Sena e… você! kkk

QUARTA PARADA: ALMOÇO NO MARAIS

Depois da sessão de fotos, vá almoçar nesse que é o bairro mais descolado da cidade! Além das ótimas opções gastronômicas é uma delícia de ficar passeando de boas curtindo uma preguiça pós comilança…

  • algumas dicas de restaurantes que ficam no Marais & arredores:

Por ali tem também a loja da Lomo que é ótima! Comprei uma câmera descartável para ir fazendo fotos analógicas da viagem, é uma delícia, e combina taaaanto com a vibe de Paris!

De lá, hora de voltar pro hotel, descansar um pouquinho e se arrumar para o jantar…

O JANTAR

Um diazinho só na cidade, vale a pena ter um jantar especial em algum dos restaurantes mais famosos de Paris (e queridinhos das celebridades), como o La Societe e o Costes (já falei deles aqui nesse post, inclusive!)

Geralmente vou no Costes no almoço, mas nessa minha última passagem por Paris a noite de verão estava tão gostosa que convidava a aproveitar o pátio aberto até altas horas batendo papo com as amigas (Helena Bordon e Marina Ruy Barbosa estavam lá também!). O ambiente é super descolado, comida maravilhosa – pode pedir das fritas às ostras, não tem erro (até o bolo de chocolate sem glúten é divino! hehe)

PARA FECHAR: AU REVOIR, PARIS!

Para encerrar a noite e se despedir de Paris da melhor maneira, dê uma passadinha pelo Trocadero para ver a torre acesa! É clichê (e daí?), é mágico e deixa aquele gostinho de quero mais…

  • Gostaram das dicas, gente? Complementem com as de vocês aqui nos comentários e bora planejar a ida para Paris (seja por 24 horas ou mais)! Desde maio, aliás, isso ficou mais fácil também para quem está no Nordeste: é que a Air France KLM passou a operar dois voos diretos partindo de Fortaleza (nas sextas e domingos) e em outubro a frequência sobe para três, com mais uma opção na quarta-feira (já é possível reservar essa viagem no site deles)! Demais!

Roteiro: 24 horas em Paris! | powered by AirFrance

16 jul 2018
- Por Camila Coutinho
Comentários

Paris é um lugar para viver sem agonia… e como tem muita coisa para ver é muito difícil que logo na primeira vez você consiga dar um check em tudo mesmo! Nessa minha última ida para conferir o desfile de Jean Paul Gaultier na Alta Costura a agenda estava mais tranquila, mas eu tinha apenas um dia inteiro livre para realmente turistar na cidade! Juntei isso com o fato de saber que tem muita gente que acaba passando rapidamente por lá por conta de alguma conexão e então nasceu a ideia para esse roteiro com dicas do que fazer em 24 horas em Paris!

As opções são infinitas, mas se você se concentrar em aproveitar bem o que escolher já terá um bom panorama. A verdade é que além da foto na torre o maior legado da cidade é justamente o jeito francês de curtir um bom vinho sentado na varanda do restaurante ou um sorvetinho no Tuileries de boas. Quando ando pelas ruas em Paris a sensação é de que a França vive um eterno sábado, delícia! Vai por mim, mesmo com pouco tempo com esse roteiro aqui vai dar pra ter esse gostinho também:

PRIMEIRA PARADA: O MUSEU

Comece o dia no Cafe Marly, que fica em frente ao Louvre e já tem uma visitinha show!

Dali você já pode emendar na visita ao Louvre, mas baixe o aplicativo do museu para comprar o ingresso online e evitar filas – lembre-se, você só tem 24 horas! Importante: o museu é ENORME, então desencane de passar por todas as alas. O acervo tem mais de 380 mil itens exibidos em salas que somam mais de 72 mil metros quadrados – cálculos estimam que seria necessário caminhar pelo menos 4,8 quilômetros dentro do museu ao longo de 100 dias para conhecer tudo, ou seja, não vai rolar MESMO! kkk

Minha dica é: foque na Mona Lisa e aproveite para ver rapidamente o que mais cruzar seu caminho até ela! Você provavelmente vai levar um tempinho para se aproximar da obra de Leonardo da Vinci porque é sempre a região mais disputada do museu, mas é muito legal ver algo tão icônico assim de pertinho!

SEGUNDA PARADA: “O” SORVETE

Do Louvre vá a pé até o Jardim Tuileries para tomar o imbatível (me atrevo a dizer obrigatório!) sorvete da Amorino! Amo o de manga (parece que você está tomando a fruta gelada, surreal!) e de avelã, vale a fila demais! Se estiver calor já pega logo o grande senão depois você vai se arrepender, viu? kkk

TERCEIRA PARADA: A TORRE

Hora da Torre Eiffel entrar no roteiro – mas esqueça a ideia de subir: muita fila, demora, você vai usar melhor seu tempo (e conseguir cliques melhores) se for direto para a praça do Trocadero. Tire umas fotos rapidão por lá e se estiver empolgada pra bombar o Insta vale a pena caçar os “secret spots” das blogueiras! PERA, O QUE CAMILA, COMO? Siiim! kkkk Há vários cantinhos da cidade em que é possível fazer fotos lindas com um ângulo menos óbvio e a “Eiffel” bombando de fundo!

Fui atrás desses lugares no Google e foi assim que saiu essa foto aqui:

É a esquina da Avenue de la Bourdonnais com a Rue de l’Université, cenário perfeito para pegar a Torre emoldurada pelos prédios antigos, AMO!

  • mais alguns spots do tipo para ficar de olho:

Avenue de Camoens 75116 – fica a uma curta caminhada do Trocadero, você sobe um lance de escadas e tem a chance de encontrar um cenário lindo desses até vazio! É a mesma pegada da “minha esquina” hehe

Champs de Mars – além da foto tipo “pic nic em Paris”, é legal também buscar um ângulo que pegue os postes de luz, as árvores, os banquinhos… eles dão um clima vintage super charmoso ao clique!

Pont Alexandre III – aqui a torre não é a protagonista do clique, mas compõe lindamente com o rio Sena e… você! kkk

QUARTA PARADA: ALMOÇO NO MARAIS

Depois da sessão de fotos, vá almoçar nesse que é o bairro mais descolado da cidade! Além das ótimas opções gastronômicas é uma delícia de ficar passeando de boas curtindo uma preguiça pós comilança…

  • algumas dicas de restaurantes que ficam no Marais & arredores:

Por ali tem também a loja da Lomo que é ótima! Comprei uma câmera descartável para ir fazendo fotos analógicas da viagem, é uma delícia, e combina taaaanto com a vibe de Paris!

De lá, hora de voltar pro hotel, descansar um pouquinho e se arrumar para o jantar…

O JANTAR

Um diazinho só na cidade, vale a pena ter um jantar especial em algum dos restaurantes mais famosos de Paris (e queridinhos das celebridades), como o La Societe e o Costes (já falei deles aqui nesse post, inclusive!)

Geralmente vou no Costes no almoço, mas nessa minha última passagem por Paris a noite de verão estava tão gostosa que convidava a aproveitar o pátio aberto até altas horas batendo papo com as amigas (Helena Bordon e Marina Ruy Barbosa estavam lá também!). O ambiente é super descolado, comida maravilhosa – pode pedir das fritas às ostras, não tem erro (até o bolo de chocolate sem glúten é divino! hehe)

PARA FECHAR: AU REVOIR, PARIS!

Para encerrar a noite e se despedir de Paris da melhor maneira, dê uma passadinha pelo Trocadero para ver a torre acesa! É clichê (e daí?), é mágico e deixa aquele gostinho de quero mais…

  • Gostaram das dicas, gente? Complementem com as de vocês aqui nos comentários e bora planejar a ida para Paris (seja por 24 horas ou mais)! Desde maio, aliás, isso ficou mais fácil também para quem está no Nordeste: é que a Air France KLM passou a operar dois voos diretos partindo de Fortaleza (nas sextas e domingos) e em outubro a frequência sobe para três, com mais uma opção na quarta-feira (já é possível reservar essa viagem no site deles)! Demais!
03 jun 2018 - Por Camila Coutinho
Comentários

Como comentei em um dos episódios dessa edição do nosso reality, visitar a Austrália foi uma experiência completa: em duas semanas fomos da praia ao campo, sem perder também o clima mais cosmopolita de cidades como Sydney e Melbourne!

Isso, claro, também se refletiu no nosso guarda-roupa, então aproveitei para reunir aqui nesse post os lookinhos que usei durante nossa viagem! Como a cada episódio só cabiam os créditos de um só, achei que valia a pena postar aqui assim – tem ideias do que levar na mala para todo tipo de passeio, você vai ver só! haha

Meus looks em #CamieVicTakeAustralia!

03 jun 2018
- Por Camila Coutinho
Comentários

Como comentei em um dos episódios dessa edição do nosso reality, visitar a Austrália foi uma experiência completa: em duas semanas fomos da praia ao campo, sem perder também o clima mais cosmopolita de cidades como Sydney e Melbourne!

Isso, claro, também se refletiu no nosso guarda-roupa, então aproveitei para reunir aqui nesse post os lookinhos que usei durante nossa viagem! Como a cada episódio só cabiam os créditos de um só, achei que valia a pena postar aqui assim – tem ideias do que levar na mala para todo tipo de passeio, você vai ver só! haha

05 ago 2017 - Por Camila Coutinho
Comentários

Quando a coisa é boa a gente faz o que…? Repete! kkk Em 2016 fui convidada para explorar o Miami Design District e amei tanto que esse ano voltei!

Miami é aquele destino de compras clássico, mas o Design District é diferente de toda a experiência que geralmente é associada à cidade, tem uma proposta bem única! O bairro é “o” lugar para comprar luxo, de itens clássicos ao que há de mais atual, nunca vi lojas tão abastecidas, tudo coisa das coleções mais recentes, sem falar nas peças especiais de parcerias e edições limitadas que muitas vezes só dá pra encontrar lá!

São cerca de 60 marcas entre casas tradicionais como Burberry, Bvlgari, Cartier, Dior, Emilio Pucci, Fendi, Gucci, Louis Vuitton e Prada a grifes moderninhas como a Alice+Olivia, Alexander Wang, Maison Margiela, Zadie & Voltaire

Aí você pensa que como não tá podendo assim se jogar nessas compras nem vale a pena passar por lá? Engano master!!! É que o outro grande atrativo da região é a aposta no design! A cada passo você pode interagir com obras de arte contemporânea, do galpão de teias de tecido assinados por Zaha Hadid ao domo de acrílico no centro da Palm Court, isso sem falar nas próprias lojas que apostam em uma decoração super diferente que vale a pena conhecer! Olha.. é difícil deixar o celular de lado porque a gente quer fotografar tudo! kkk

Os restaurantes deliciosos (e também superestilosos) são um capítulo à parte…

No Mandolin tivemos um jantar delicioso da Valentino! E outros que valem a pena colocar na listinha ao passar pela cidade são: Michael’s Genuine, OTL (Out To Lunch, melhor brunch!), Kiki on the RiverPao (at Faena)!


Só de lembrar das comidinhas (confira nos links de cada um) já me deu água na boca!

Olha essa joalheria luxo de Sevan Bicakci! O designer de Istambul é conhecido pelos aneis e pulseiras super trabalhados!

Tech addicted com Barbara Migliori

Dessa vez a viagem foi ainda mais bacana porque participei de várias atividades com a Vogue Brasil! Junto com a querida Barbara Migliori, diretora de moda da revista, clicamos um editorial incrível por lá!

Jeans Isabel Marant, jaqueta Loewe e bota Céline

Saia Isabel Marant, jaqueta Loewe e joias Daniella Kronfle

Também rolou o um evento bafo com a Valentino pra comemorar o especial Miami da Vogue + chegada do inverno 2018 da maison na loja deles por lá!

Com Nô Mello, Alessandro Cremona, Barbara Migliori, Carlos Souza e Carol Melo

Com Dafne Evangelista, essa linda que arrasa no make!
  • E é isso! Contem aí qual foi o look favorito de vocês nessa viagem! Aqui na galeria tem mais cliques (eita post cheio de fotos esse hein?! kkk)

Miami Design District + editorial com a Vogue Brasil!

05 ago 2017
- Por Camila Coutinho
Comentários

Quando a coisa é boa a gente faz o que…? Repete! kkk Em 2016 fui convidada para explorar o Miami Design District e amei tanto que esse ano voltei!

Miami é aquele destino de compras clássico, mas o Design District é diferente de toda a experiência que geralmente é associada à cidade, tem uma proposta bem única! O bairro é “o” lugar para comprar luxo, de itens clássicos ao que há de mais atual, nunca vi lojas tão abastecidas, tudo coisa das coleções mais recentes, sem falar nas peças especiais de parcerias e edições limitadas que muitas vezes só dá pra encontrar lá!

São cerca de 60 marcas entre casas tradicionais como Burberry, Bvlgari, Cartier, Dior, Emilio Pucci, Fendi, Gucci, Louis Vuitton e Prada a grifes moderninhas como a Alice+Olivia, Alexander Wang, Maison Margiela, Zadie & Voltaire

Aí você pensa que como não tá podendo assim se jogar nessas compras nem vale a pena passar por lá? Engano master!!! É que o outro grande atrativo da região é a aposta no design! A cada passo você pode interagir com obras de arte contemporânea, do galpão de teias de tecido assinados por Zaha Hadid ao domo de acrílico no centro da Palm Court, isso sem falar nas próprias lojas que apostam em uma decoração super diferente que vale a pena conhecer! Olha.. é difícil deixar o celular de lado porque a gente quer fotografar tudo! kkk

Os restaurantes deliciosos (e também superestilosos) são um capítulo à parte…

No Mandolin tivemos um jantar delicioso da Valentino! E outros que valem a pena colocar na listinha ao passar pela cidade são: Michael’s Genuine, OTL (Out To Lunch, melhor brunch!), Kiki on the RiverPao (at Faena)!


Só de lembrar das comidinhas (confira nos links de cada um) já me deu água na boca!

Olha essa joalheria luxo de Sevan Bicakci! O designer de Istambul é conhecido pelos aneis e pulseiras super trabalhados!

Tech addicted com Barbara Migliori

Dessa vez a viagem foi ainda mais bacana porque participei de várias atividades com a Vogue Brasil! Junto com a querida Barbara Migliori, diretora de moda da revista, clicamos um editorial incrível por lá!

Jeans Isabel Marant, jaqueta Loewe e bota Céline

Saia Isabel Marant, jaqueta Loewe e joias Daniella Kronfle

Também rolou o um evento bafo com a Valentino pra comemorar o especial Miami da Vogue + chegada do inverno 2018 da maison na loja deles por lá!

Com Nô Mello, Alessandro Cremona, Barbara Migliori, Carlos Souza e Carol Melo

Com Dafne Evangelista, essa linda que arrasa no make!
  • E é isso! Contem aí qual foi o look favorito de vocês nessa viagem! Aqui na galeria tem mais cliques (eita post cheio de fotos esse hein?! kkk)
04 jul 2017 - Por Camila Coutinho
Comentários

Tirando a poeira do tema “viagens” por aqui pra falar da minha experiência no Kenoa Resort! Fui em março com toda a família para comemorar o casamento de minha irmã Bruna e foi uma delícia de viagem, do tipo que você consegue desligar mesmo!

*nota: eu sei, shame on me pela demora no post! Confesso que como já vou compartilhando tudo no Insta fico até um pouco em dúvida se vocês vão achar repetitivo se eu falar por aqui também… comentem contando o que acham?

Family trip! <3

O Kenoa fica em Barra de São Miguel, Alagoas (a 30km de Maceió), e apesar de ser um resort tem um clima bem aconchegante! Todo mundo ficou encantado com o serviço impecável, completamente personalizado. Como já tinha lido antes ir, é tudo tão perfeito que você simplesmente não percebe que estão fazendo tudo pra você – é exatamente o lema deles, serviço íntimo sem ser intrusivo!

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O Kenoa foi inaugurado já há oito anos, mas é tão bem cuidado que parece que abriu as portas ontem! São 23 quartos, TODOS com vista para o mar, alguns com acesso direto à praia. Como um hotel “eco-chic”, como eles se denominam, tem também toda uma parte ambiental muito bacana: a água é aquecida por energia solar e o paisagismo usa a flora local!

Detalhes do serviço impecável do Kenoa

Tava louca pra mergulhar (e clicar) nessa piscina hit deles! kkk

Além de relaxar, curtir o spa e as delícias do restaurante Kaamo (que fica a cargo do pernambucano César Santos), nós fizemos alguns passeios que podem ser agendados pelo próprio hotel e fica aqui a dica: a Oyster Experience é imperdível!!

Fomos só eu e Bruna e foi um dia tão, mas tão gostoso… renovador!! Conhecemos de perto a comunidade de Palatéia, que vive do cultivo de ostras na lagoa do Roteiro, e além de aprender sobre a região e o cultivo, também, claro, degustamos as ostras, ali no barco, com direito a bons drinks inclusive! kkk

Com os queridos Sebastiana e Adailton!

Foto: Bruna Valença

Enfim, foi uma viagem curtinha, mas suficiente para relaxar e repor as energias, o clima do Kenoa é o melhor convite pra dar uma desacelerada! Eu tinha acabado de voltar de uma temporada de fashion weeks então imagina como estava precisando! kkk

Ficamos quatro dias por lá, e minha dica é mesmo nem precisar esperar as férias para ir, aproveitem os feriados ou qualquer escapada que puderem dar (quem sabe comemorar alguma data especial?) porque vale muito a pena!

Para saber mais sobre o Kenoa e informações sobre reservas e preços consulte o site deles aqui!

Foto: Bruna Valença
  • Curtiram saber um pouquinho mais sobre essa viagem? Se você já foi ao Kenoa conta sua experiência nos comentários!

Minha experiência no Kenoa Resort!

04 jul 2017
- Por Camila Coutinho
Comentários

Tirando a poeira do tema “viagens” por aqui pra falar da minha experiência no Kenoa Resort! Fui em março com toda a família para comemorar o casamento de minha irmã Bruna e foi uma delícia de viagem, do tipo que você consegue desligar mesmo!

*nota: eu sei, shame on me pela demora no post! Confesso que como já vou compartilhando tudo no Insta fico até um pouco em dúvida se vocês vão achar repetitivo se eu falar por aqui também… comentem contando o que acham?

Family trip! <3

O Kenoa fica em Barra de São Miguel, Alagoas (a 30km de Maceió), e apesar de ser um resort tem um clima bem aconchegante! Todo mundo ficou encantado com o serviço impecável, completamente personalizado. Como já tinha lido antes ir, é tudo tão perfeito que você simplesmente não percebe que estão fazendo tudo pra você – é exatamente o lema deles, serviço íntimo sem ser intrusivo!

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O Kenoa foi inaugurado já há oito anos, mas é tão bem cuidado que parece que abriu as portas ontem! São 23 quartos, TODOS com vista para o mar, alguns com acesso direto à praia. Como um hotel “eco-chic”, como eles se denominam, tem também toda uma parte ambiental muito bacana: a água é aquecida por energia solar e o paisagismo usa a flora local!

Detalhes do serviço impecável do Kenoa

Tava louca pra mergulhar (e clicar) nessa piscina hit deles! kkk

Além de relaxar, curtir o spa e as delícias do restaurante Kaamo (que fica a cargo do pernambucano César Santos), nós fizemos alguns passeios que podem ser agendados pelo próprio hotel e fica aqui a dica: a Oyster Experience é imperdível!!

Fomos só eu e Bruna e foi um dia tão, mas tão gostoso… renovador!! Conhecemos de perto a comunidade de Palatéia, que vive do cultivo de ostras na lagoa do Roteiro, e além de aprender sobre a região e o cultivo, também, claro, degustamos as ostras, ali no barco, com direito a bons drinks inclusive! kkk

Com os queridos Sebastiana e Adailton!

Foto: Bruna Valença

Enfim, foi uma viagem curtinha, mas suficiente para relaxar e repor as energias, o clima do Kenoa é o melhor convite pra dar uma desacelerada! Eu tinha acabado de voltar de uma temporada de fashion weeks então imagina como estava precisando! kkk

Ficamos quatro dias por lá, e minha dica é mesmo nem precisar esperar as férias para ir, aproveitem os feriados ou qualquer escapada que puderem dar (quem sabe comemorar alguma data especial?) porque vale muito a pena!

Para saber mais sobre o Kenoa e informações sobre reservas e preços consulte o site deles aqui!

Foto: Bruna Valença
  • Curtiram saber um pouquinho mais sobre essa viagem? Se você já foi ao Kenoa conta sua experiência nos comentários!
PERFIL
Camila Coutinho
MOST WANTED

Copyright © 2018 - garotasestupidas.com - Todos os direitos reservados
Designed and Created bt Condomínio Network
INSTAGRAM
Copyright © 2018 - garotasestupidas.com - Todos os direitos reservados | Designed and Created bt Condomínio Network